Frentistas, motoristas e cobradores fazem dobrada classista na campanha de Lula e Requião

As candidaturas de Roberto Requião e Luiz Inácio Lula da Silva, da Federação Brasil Esperança, contarão com uma dobrada classista nas categorias dos frentistas, motoristas e cobradores de ônibus no Paraná.

Os presidente licenciados do Sindimoc (Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana), Anderson Teixeira, e o Sinpospetro (Sindicato dos Frentistas de Curitiba, Região Metropolitana e Litoral), Lairson Sena, disputarão a Câmara Federal e a Assembleia Legislativa do Paraná, respectivamente.

Teixeira concorrerá em outubro a deputado federal pelo PT enquanto Sena buscará uma vaga de deputado estadual pelo Solidariedade.

Lairson Sena e Anderson Teixeira dizem que sua dobrada visa mais emprego, valorização do salário mínimo, acesso à educação e saúde de qualidade e afirmam que estão juntos com Lula e Requião em defesa da democracia e da inclusão social.

O Solidariedade está coligado formalmente com Lula, em âmbito nacional, no entanto, a agremiação se dividiu entre as candidaturas de Ratinho Jr (PSD) e Requião no Paraná.

Lairson Sena é coordenador do comitê “Solidariedade Com Lula e Requião” na terra das araucárias.

Além do Solidariedade, Requião ainda terá apoios avulsos de líderes do PSDB, PSB, PSOL e PDT.

Desses, PSOL, PSB e Solidariedade já estão formalmente na coligação de Lula.

No Paraná, PSDB não lançará candidato a governo do estado.

A maioria dos “tucanos de bico vermelho” estará na campanha de Requião.

O PDT paranaense desgarrou-se da órbita requianista, mas parte da militância pedetista se somará às campanhas Lula e Requião no estado.

Blog do Esmael, notícias verdadeiras.