Renan Calheiros apresentará projeto para anistiar hackers da Vaza Jato

Compartilhe agora

O senador Renan Calheiros (MDB-AL) apresentará nesta quarta (10) projeto para anistiar os hackers acusados de vazar as mensagens entre procuradores da Lava Jato e o ex-juiz Sergio Moro.

“Na justificativa do documento, Calheiros alega que os hackers apenas deram ‘divulgação’ dos diálogos, o que ‘haverá de contribuir em futuro próximo para o aperfeiçoamento das instituições judiciais’. Diz ainda que os envolvidos já pagaram ‘preço alto’, pela exposição midiática e por terem sido detidos”, informa a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo.

Segundo a coluna, “o senador reconhece que não é possível reconhecer como ‘lícitas’ as ações dos invasores mas que foi graças a elas que se conheceu ‘reais motivos e dissimulações’ dos que se ‘se arvoravam na condição de paladinos da Justiça, juntamente com o chefe do esquema, o até então impoluto juiz Sérgio Moro’”.

LEIA TAMBÉM
Vem aí a CPI da Lava Jato

Renan espera conseguir urgência para votar o projeto no plenário Senado. “Há expectativa de que a senadora Kátia Abreu (PP-TO) seja a relatora”, destaca a reportagem.

À coluna, Kátia disse que pretende acelerar a tramitação da proposta. “Não podemos punir quem ajudou a abrir os olhos da nação para ilícitos da Lava Jato”, afirmou ela.