Bilionário desiste de disputar prefeitura; saiba por quê

O empresário João Carlos Ribeiro (PSL), por meio de nota oficial, informou neste domingo (25) que desistiu de concorrer à Prefeitura de Pontal do Paraná.

O munícipio de 27 mil habitantes fica no litoral paranaense a 100 km de Curitiba.

Ribeiro era considerado o candidato mais rico do Brasil com R$ 1,5 bilhão de patrimônio declarado na Justiça Eleitoral.

A desistência do candidato do PSL, portanto, não foi por falta de dinheiro. Pelo contrário.

Ribeiro foi alvo de uma operação da Polícia Federal na semana passada, que investiga o empresário em suposta fraude de licença ambiental. Ele é dono de um porto em Pontal do Paraná.

De acordo com a PF, o esquema ocorreu entre os anos de 2014 e 2015, com o “pagamento de vantagens indevidas para fins de intervenção junto ao Ibama [Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis]”.

Além de Ribeiro, a Operação O Quinto Ato também teve como alvo o senador Fernando Collor (PROS-AL).

Antes de publicar o comunicado abaixo, oficializando a desistência, o empresário publicou um vídeo neste sábado (24) jurando que continuava candidato e atribuiu rumores de sua desistência às fake news da velha mídia.

Abaixo leia o comunicado da desistência de João Carlos Ribeiro:

Nota de Esclarecimento

Sinto-me absolutamente consternado de informar a toda população de Pontal do Paraná que estou, agora, deixando de concorrer às eleições para a prefeitura de Pontal do Paraná.

As razões de minha desistência são de caráter absolutamente pessoal, com forte abalo emocional.

As providências em relação ao Tribunal Eleitoral já foram tomadas.

Quero manifestar meus respeitos a todos os amigos e colaboradores de minha campanha, como também à população de Pontal do Paraná que muito admiro e considero.

Afasto-me momentaneamente com minha família para me recompor. Continuarei com meus firmes propósitos de lutar pela melhoria de toda nossa comunidade, visando seu crescimento e prosperidade.

Agradeço as manifestações de apoio e carinho que recebi da população.

João Carlos Ribeiro

Leia mais sobre o candidato mais rico do Brasil

Collor é alvo de operação da PF que investiga esquema de corrupção em licenças ambientais no Paraná

Candidato a prefeito mais rico do Brasil tem R$ 1,5 bi em bens declarados no TSE

Candidato mais rico do Brasil confirma candidatura após ser alvo de operação da Polícia Federal

Compartilhe agora