Deltan Dallagnol espera para 2020 mais Lava Jato e… mais palestras

Publicado em 14 dezembro, 2019
Compartilhe agora!

O procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa, disse ao repórter paranaense Marc Souza o que espera para 2020.

A continuidade e expansão da Lava Jato e, consequentemente, mais palestras e dindim para o bolso do procurador.

Deltan jura que em 2019, a Lava Jato responsabilizou pessoas poderosas do MDB e do PT. Também afirma que investigou duas novas empreiteiras e banqueiros.

O procurador adiantou que tem no radar nova área da Petrobras, sua atividade-fim, que é o comércio de óleo e petróleo.

“Nós fizemos acordo de recuperação de recursos que chegou a R$ 2,2 bilhões”, disse o moço da convicção e do PowerPoint.

Enquanto isso, na vida real, a Petrobras segue sendo fatiada e vendida a preço de banana para os gringos.

Nenhuma ação do procurador para conter esse crime explícito contra a estatal de petróleo ou ele [e a Lava Jato] apenas despista o distinto público para que aconteça o verdadeiro assalto?

LEIA TAMBÉM
Vox Populi: 57% da população apoia e acha justa a soltura de Lula

Fachin vota contra o fim do seguro obrigatório DPVAT

Impeachment de Trump é aprovado em Comitê da Câmara nos EUA

Tic-tac: Gleen Greenwald tem canhão para disparar contra Bolsonaro, avisa hacker

Compartilhe agora!