Tic-tac: Gleen Greenwald tem canhão para disparar contra Bolsonaro, avisa hacker

Publicado em 13 dezembro, 2019

É questão de tempo. Tic-tac, tic-tac, tic-tac. O jornalista norte-americano Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, ainda tem um canhão de grosso calibre para disparar contra o presidente Jair Bolsonaro e seus familiares.

Segundo o hacker Walter Delgatti Neto, o ‘Vermelho’, que está preso em Brasilia sob a acusação de ter invadido os telefones de diversas autoridades da república, o Intercept possui farto material com potencial de derrubar a República, os filhos do presidente, militares, ministros do Supremo Tribunal Federal e até a Rede Globo.

.

Glenn faz silêncio sobre a Vaza Jato. O último vazamento consistente do Intercept ocorreu há quase dois meses, no dia 19 de outubro (‘Russo deferiu uma busca que não pedida por ninguém’).

À revista Veja, Delagatti Neto contou que seu grupo invadiu o celular do general Walter Braga Netto, o atual chefe do Estado-Maior do Exército.

O hacker também relatou imagens da execução de um rapaz enviada por um soldado para o general, que comandava a intervenção no Rio.

.

Vermelho disse ainda na entrevista para a revista que as mensagens do Telegram trazem provas das fake news disparadas pelos filhos do presidente, Carlos e Eduardo Bolsonaro, e do recebimento de propina pelo procurador Januário Paludo –da força-tarefa Lava Jato.

Tic-tac, tic-tac, tic-tac.

LEIA TAMBÉM
Em entrevista à Veja, Hacker compromete a lava jato, militares e até Bolsonaro

.

Mais um índio Guajajara é assassinado no Maranhão

Jovem Pan recontrata Marco Antonio Villa