Por Esmael Morais

Centrais convocam ato contra fim da Previdência dia 20, na Praça da Sé

Publicado em 08/02/2019

As centrais sindicais CUT, Força Sindical, CTB, Nova Central, CSB, Intersindical, CSP-Conlutas e CGTB vão realizar, no próximo dia 20 de fevereiro, a Assembleia Nacional da Classe Trabalhadora em defesa da Previdência e contra o fim da aposentadoria. O ato será realizado a partir das 10 horas, na Praça da Sé, em São Paulo.

Miguel Torres, presidente da Força Sindical, alerta que a proposta do governo não atende aos trabalhadores, não acaba com o déficit e privilegia os bancos com a tal da capitalização. “Devemos alertar a sociedade sobre o que está em jogo com a ameaça de um reforma da Previdência desfavorável à classe trabalhadora”, destaca Torres.

Segundo Vagner Freitas, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT) existe sintonia entre as Centrais. “Precisamos manter nossa campanha permanente em defesa da Previdência Social, em Defesa dos Trabalhadores e da Democracia. É extremamente importante voltarmos às bases, para alertar os trabalhadores”, afirma.

As centrais sindicais defendem um agenda comum e unificada de mobilização para resistir à ofensiva do governo da extrema-direita de Jair Bolsonaro (PSL), que declarou guerra aos trabalhadores.

*Com informações das centrais sindicais