Brasil, EUA e Colômbia discutem segunda-feira declarar guerra contra Venezuela

A coalização formada por Brasil, EUA e Colômbia discute nesta segunda-feira (25) a possibilidade de uma invasão militar na Venezuela com o intuito de derrubar o presidente Nicolás Maduro.

A tensão política se elevou neste sábado (23) diante do rechaço da “ajuda humanitária” — pretexto para a agressão à Venezuela — e trunfo bolivariano que cerrou as fronteiras com Brasil e Colômbia.

LEIA TAMBÉM
Em nota, Itamaraty chama Maduro de ditador

O líder do golpe Juan Guaidó, sob coordenação norte-americana, disse que os países anti-Maduro devem colocar todas as opções na mesa, isto é, até mesmo a invasão militar.

A reunião de amanhã em Bogotá contará com a presença do vice-presidente dos EUA, Mike Pence, no denominado “Grupo de Lima”, a quem Nicolás Maduro classifica de grupo terrorista.

EUA miram a Venezuela porque o país caribenho possui a maior reserva de petróleo do planeta.

Acompanhe ao vivo, desde Venezuela: