Por Esmael Morais

Protesto termina com ocupação de escritório do ministro da Saúde e Fora Richa no Paraná

Publicado em 19/02/2018

A manifestação contra a reforma da previdência em Maringá, Noroeste do Paraná, nesta segunda (19), terminou em ocupação do escritório político do ministro da Saúde Ricardo Barros (PP) e com gritos de Fora Richa.

Os correligionários do ministro da Saúde tiveram de chamar as policias civil e militar para retomar o escritório político, que atende à família Barros.

Agora falemos do Fora Richa.

O governador do estado, Beto Richa (PSDB), deverá deixar o cargo daqui a 42 dias para disputar o Senado.

A partir de 1º de abril, com a desincompatibilização de Richa, a vice-governadora Cida Borghetti (PP) assumirá as rédeas do Palácio Iguaçu. Ela é esposa de Ricardo Barros e mãe da deputada estadual Maria Victória (PP).

Maringá, a 436 km de Curitiba, fez uma das maiores manifestações do Paraná contra a reforma da previdência. O município tem a terceira maior população do estado (407 mil habitantes), o segundo IDH e a 6ª renda per capita paranaense.