Lupi em Curitiba

O presidente nacional do PDT Carlos Lupi desembarcou em Curitiba, nesta sexta-feira (12), para duas missões espinhosas: 1- arrancar uma decisão de Osmar Dias sobre a disputa pelo governo do Paraná pelo partido e 2- convencer o ex-prefeito Gustavo Fruet a concorrer pela legenda à Câmara.

Oficialmente, Lupi está na capital paranaense para debater um “Novo Projeto Nacional de Desenvolvimento” a partir da candidatura do ex-governador Ciro Gomes.

Fruet nem Osmar participarão do encontro antiprivatização e em defesa de um projeto autônomo para o país (veja o serviço abaixo). Eles se reunirão em separado com o dirigente nacional pedetista.

Durante a semana, o deputado estadual Márcio Pauliki, considerado “general” de Osmar deixou o PDT atirando contra Lupi, que manifestou solidariedade a Lula – vítima de caçada judicial – e em defesa da candidatura do petista na eleição presidencial deste ano.

“Como não lembrar o caso de um Procurador do Ministério Público que chegou a montar um organograma em um programa de computador ligando vários crimes à um nome: Luiz Inácio Lula da Silva. Assim, sem qualquer prova, ou como ele mesmo afirmou à época, “com muitas convicções”, em uma entrevista coletiva chocando com isso o princípio básico da imparcialidade”, disse Pauliki.

A crítica à posição de Lupi foi apenas um pretexto do parlamentar, assim como aquela desferida por Osmar contra o presidente nacional do PDT quando este apoiou a Assembleia Constituinte de Nicolás Maduro, na Venezuela.

“Não posso deixar de manifestar minha indignação com a posição adotada pela cúpula do partido, que apoia a Assembleia Constituinte convocada pelo presidente da Venezuela, Nicolas Maduro”, afirmou Osmar no fim de julho passado.

Osmar está com um pé no Podemos, partido do mano Alvaro Dias.

Em relação a Fruet, o ex-prefeito está com um pé no PTB.

O debate com Lupi será hoje, às 19 horas, no auditório do Sindicato dos Engenheiros do Paraná (Senge), na Rua Marechal Deodoro, 630, 22º andar (Ed. Centro Comercial Itália).

Comentários encerrados.