Obama copia Dilma e “pedala” com 75% de reprovação. Sem impeachment

dilma_obamaO presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, assim como sua homóloga brasileira Dilma Rousseff, tem reprovação batendo na casa dos 75% entre os norte-americanos. Entretanto, lá, diferente daqui, não há pedido de impeachment nem tentativa de golpe.

As semelhanças entre Dilma e Obama não sustam por aí. O presidente estadunidense, para utilizar a ginástica golpista dos coxinhas, também “pedalou” gostou em 2015: o limite autorizado para a dívida pública dos Estados Unidos é de US$ 18,112 trilhões, mas, em outubro passado, o montante já chegava a US$ 18,165 trilhões.

Os coxinhas brasileiros partiram para cima de Dilma primeiro porque são machistas (não admitem ser governador por uma mulher). Segundo, devido à tradição golpista da burguesia nacional.

A seguir, leia matéria na Agência Brasil sobre a reprovação de Obama nas pesquisas:

Presidente Obama termina ano com queda na aprovação

Cerca de 75% dos norte-americanos estão descontentes com o governo de Barack Obama. Foi o que mostrou uma pesquisa divulgada nessa terça-feira (29) pela CNN/ORC. Além disso, 69% dos entrevistados afirmaram que reprovam os rumos da política no país, liderado há quase sete anos pelos democratas, sob a gestão de Obama.

Considerando apenas os norte-americanos que se declaram republicanos, a desaprovação é ainda maior: mais de 90% dos conservadores se declaram descontentes e 82% declaram reprovar o governo Obama.

Ao analisarem a administração do país desde 2008, cerca de 37% dos entrevistados disseram que Obama trouxe mudanças positivas para o país, conforme prometido em 2008, mas a mesma quantidade de entrevistados disse que o país piorou nos últimos anos e 21% afirmou que nada mudou, nem para melhor e nem para pior.

Entre os democratas, 67% declararam ter observado mudanças positivas e 63% dos republicanos responderam que o país piorou na gestão do democrata.

A opinião sobre o presidente Obama é polarizada. Dos entrevistados 48% disseram ter uma visão pessoal favorável e 50%, desfavorável.

Apesar da desaprovação nas áreas de política e segurança, os norte-americanos permanecem um pouco mais otimistas com relação à economia, com 52% de aprovação para as ações da Casa Branca.

A pesquisa da CNN foi feita por telefone entre os dias 17 e 21 de dezembro de maneira aleatória e ouviu 1.018 pessoas. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais e para menos.

Mas no país as pesquisas também apresentam dados divergentes. O Instituto Gallup divulgou ontem (28) sua pesquisa anual sobre personalidades mais influentes e o presidente Barack Obama apareceu, pelo oitavo ano consecutivo, no topo da lista dos mais admirados no país.

18 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Obama pedalou 50 milhões de dólares , Dilma pedalou 40 BILHÕES! Tem uma diferença muito grande aí .

    EUA não tem a inflação e o desemprego do Brasil!

  2. Tem uma diferença sim.lá nos States os coxinhas tem cérebro aqui os coxinhas tem cérebro de Ameba kkkkkk

  3. Quanta besteira e ainda tem gente que acha que na matriz (USA) a Dilma o Lula e a corja do PT já não estariam apodrecendo na cadeia e achar que somos machistas é só olhar o antigo governo da Argentina do Chile do Brasil a presidência da Foster na Petrobras para chegar a conclusão que é melhor pilotarem fogão a queimar a cara com o que não tem competência para tanto (Contra a continua castração do homem pela mídia caso aconteça alguma coisa é porque ela era uma vagabunda e não porque não aceitou o final do relacionamento) o resto gosto de me sentir homem e dominante e vc seu otário vai chorar na cama como uma menininha que é mais quentinho)……

  4. “Os coxinhas brasileiros partiram para cima de Dilma primeiro porque são machistas (não admitem ser governador por uma mulher).”

    Nossa, quanta baboseira. Tudo bem que os coxinhas são babacas e tudo o mais, mas esse vitimismo de ‘ain, pq eh mulher’, ah vá!

  5. Não sabia que a constituição americana era a mesma do Brasil… então vamos agir de acordo com as leis americanas e punir os “menores infratores” de acordo. Chega a ser ridículo querer defender um partido, uma bandeira, uma incompetente com essas comparações… Mas fazer o que? Tudo é golpe mesmo….

    • Pois é Carlos César, acontece que todos os coxinhas comparam o Brasil aos EUA quando lhes interessam mas se eximem quando os exemplos não os apetecem. Ademais, então, já que conhece a constituição, onde está escrito “pedaladas fiscais” no texto constitucional? Ou algo que o valha na mesma proporção para justificar um impedimento da presidente. Você sabia que Itamar Franco fez a mesma prática, FHC também agia da mesma forma, Lula idem e todas as contas foram aprovadas pela mesma câmara de deputados sem ressalvas? Você sabia que 17 governadores de estado, tendo entre eles todas as siglas possíveis dos partidos a eles filiados, e os TCE´s aprovaram de maneira unânime essas práticas? Você concorda, então, que a serem considerados CRIMES de lesa pátria (como quer se fazer os imbecis do golpe capitaneados por CUnha, o límpido e Aécio do pó das neves) as tais pedaladas, ou não somente ajustes contábeis entre entes do governo Federal, todos os governadores que praticaram tais ilegalidades (em tese) não deveriam também ser processados e extirpados de seus cargos pelas devidas assembleias de seus estados? Então. A conclusão é lógica, estão armando pra presidente legitimamente eleita por maioria de votos (menos o seu).

      • Então porque Dilma está preocupada? Já que “pedaladas fiscais” são válidas. Baseado em que estão pedindo seu impedimento? Se houve até intervenção do Ministro do Supremo no pedido de impeachment. E voltando as lembranças políticas passadas, o Collor de Melo foi deposto por qual motivo? Caixa 2? Uma Elba de presente? Isso foi falta de mais “toma lá” em troca do “dá cá”. Espero que esse limbo político que o Brasil está passando seja temporário, que corrupção seja crime hediondo e eliminem esse tipo de político para sempre da vida pública e que essa utopia das ideologias partidárias sejam colocadas em prática, ou extintas. Não defendo nenhuma bandeira partidária, nem políticos, pois essa corja que estão nos poderes, amparados por leis que essa mesma escória aprovam é o resultado da situação desse país. NÃO SOU PETISTA, NEM COXINHA, SOU UM BRASILEIRO PAGADOR DE IMPOSTOS, CAROS POR SINAL, CANSADO DE VER ESSE LIXO, ESSA SITUAÇÃO.

        • Porque Dilma é PT. Nunca, antes, houve problema com pedaladas. Ninguém mencionou pedaladas de Aécio, de Alckmin agora mesmo.Ninguém quis impedimento de fhc por comprar reeleição. Não consegue, mesmo, ver a diferença?

      • Muito bem colocado amigo, feliz ano novo!

  6. Só esqueceram de mencionar a diferença entre a taxa de juros do EUA, 0,5%, e do Brasil, 14,15%. Dizem que, mesmo sem “pedalada”, só para manter a dívida do Brasil (que em junho estava em torno de R$2,5 trilhões), são necessários mais de R$350 bilhões ao ano. Se é isso mesmo, não há ajuste fiscal que dê conta…

  7. Esmael, aonde você viu esta pesquisa: Publique.

  8. É inacreditável uma comparação ridícula destas, somos um povo Tupiniquim que lutamos para não morrer e eles lutam para se manterem como maior potência mundial, então me desculpe, mas não temos forças para aguentar mais incompetências do PT. Faz-se saber que o impeachment se por crimes e não por querer ou deixar de querer, então tchau Dilma!