Guerra em Gaza matou 15.523 palestinos e deixou 41.316 feridos em dois meses

Mais de 15.500 palestinos foram mortos por ataques israelenses nos últimos dois meses, anunciou o ministério da saúde de Gaza neste domingo

No dia 58 da Guerra em Gaza, iniciada em 7 de outubro, 15.523 palestinos foram mortos e 41.316 ficaram feridos.

Do lado israelense, morreram 1.200 pessoas e 159 reféns está detidos pelo Hamas.

De acordo com o porta-voz do ministério, Ashraf al-Qudra, 70% dos palestinos mortos eram mulheres e crianças, informa a Agence France-Presse. 

Ele disse que 41.316 ficaram feridos.

Economia

“Durante as últimas horas, apenas 316 mortos e 664 feridos foram retirados dos escombros e levados para hospitais, mas muitos outros ainda estão sob os escombros”, acrescentou al-Qudra.

Com informações do The Guardian e Haaretz

One Reply to “Guerra em Gaza matou 15.523 palestinos e deixou 41.316 feridos em dois meses”

  1. Com estes dados sobre o conflito entre o Hamas x Israel, alguém em sã consciência, da a Israel o tal “direito de defesa”, isso é GENOCÍDIO com aval do EUA, UE e outros países que fazem vista grossa. E a ONU, fechem as portas, porque vocês não protegem nenhuma nação neste mundo sem a benção dos americanos.

Comments are closed.