Frente ampla pode reunir PT, Ducci, Goura e Richa em Curitiba

O presidente do PT do Paraná, deputado Arilson Chiorato, anunciou que se reuniu com seus homólogos do PSB, PDT e PSDB com vistas à construção de uma frente ampla nas eleições municipais de Curitiba e no Paraná.

O dirigente petista começou a semana se reunindo com os deputados Luciano Ducci, Beto Richa e Goura Nataraj, presidentes estaduais do PSB, PSDB e PDT, respectivamente.

Na condição de dirigente do PT, Chiorato disse que é fundamental dialogar com presidentes estaduais de partidos que dão sustentação política ao presidente Lula e podem compor com o partido nas eleições municipais.

“Pensando sempre nos interesses democráticos e projetos para melhorar as cidades do Paraná”, disse o presidente do PT no estado, ao relatar ainda que esteve com o ex-deputado tucano Michele Caputo e o secretário-geral do PT, Márcio Pessatti.

Professora Jane Reis, mulher de Chiorato, lidera da Frente Ampla em Apucarana, Norte do estado.

A Frente Ampla, que está sendo desenhada em Curitiba e no Paraná, poderá abocanhar parte significativa da propaganda no rádio e na televisão durante no horário reservado aos partidos políticos nas eleições 2024.

Essa Frente Ampla na capital ruma para lançar o nome do ex-prefeito Luciano Ducci e o vice, possivelmente, virá do PT. Três deputados estaduais despontam na legenda petista: Requião Filho, que tem a torcida da militância; Angelo Vanonhi e Ana Júlia; no entanto, eles são construções do campo majoritário, que também pode indicar Goura para a vice.

Economia

4 Replies to “Frente ampla pode reunir PT, Ducci, Goura e Richa em Curitiba”

  1. Curitiba caminha para uma vitória do Ducci no primeiro turno, igual Maringá on Silvio Barros será eleito no primeiro turno.

  2. Eita! Está eu não esperava. Nem em sonho…..kkkkk…..Ducci, Richa, Goura e PT todos juntos e misturados….kkkkk…..será que não delírio…..kkkkk……mas as eleições estão chegando e as campanhas logo estarão nas ruas, nas live e nas redes sociais. Vamos no que vai dar esta mistura.

Comments are closed.