Eduardo Bolsonaro fica com ciúmes do “namoro” entre Lula e Ciro

Compartilhe agora

A união entre Ciro Gomes e o PT de Lula poderia ter barrado a eleição de Bolsonaro em 2018. Mesmo tardia, a reaproximação dos dois grandes líderes do campo democrático enche de esperanças as pessoas que são avessas à direita.

Por isso, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) passou o maior recibo perante a notícia da reaproximação entre Lula e Ciro.

“A esquerda não tem ética, moral ou vergonha na cara e faz o diabo por uma eleição. Até ontem os Ferreiras Gomes bradavam “o Lula tá preso, babaca” e hoje estão de mãos dadas contra Bolsonaro. ” Escreveu o filho do presidente.

O ex-governador Ciro Gomes (PDT) comunicou nas redes sociais que está “efetivamente curado” da Covid-19 e, por isso, presume-se, ele já voltou a articular uma frente de esquerda com Lula e o PT visando 2022.

“Tenho muita alegria de comunicar a todas e todos que acabei de receber o último resultado de teste para Covid”, disse Ciro. “Estou definitivamente curado”, completou.

Bolsonaro já pode ir se preparando para voltar para a Vivendas da Barra Pesada em 23. Talvez antes.

Lula e Ciro Gomes juntos põem em risco reeleição de Bolsonaro em 2022; tic-tac

Ciro Gomes comunica que está curado da Covid-19 e já pensa na aliança com Lula

[Ao vivo] Lula 75 anos. Lula vice de Ciro em 2022?