PT condena Trump por suspender contribuição financeira à OMS

O PT divulgou uma nota nesta quinta-feira (16) condenando a decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de cortar o financiamento à Organização Mundial da Saúde (OMS) em meio à crise global provocada pelo novo coronavírus.

LEIA TAMBÉM:
OMS lamenta decisão de Donald Trump de suspender financiamento

Apoio da Globo já não é mais certeza de sucesso na política. Mandetta que o diga

Auxílio Emergencial: Não precisa mais de regularizar CPF para receber benefício R$ 600 em todo país

Na nota, o partido afirma que “tal decisão, irresponsável e injustificada, tem apenas o objetivo político de esconder as insuficiências e os erros da administração Trump no combate ao Covid-19, que transformaram os EUA no país mais afetado pela pandemia”.

Leia a íntegra da nota:

O Partidos dos Trabalhadores e suas bancadas no Senado Federal e na Câmarados Deputados condenam, de forma veemente, a decisão do governo Trump de suspender sua contribuição financeira à Organização Mundial da Saúde.

Em nosso entendimento, tal decisão, irresponsável e injustificada, tem apenas o objetivo político de esconder as insuficiências e os erros da administração Trump no combate ao Covid-19, que transformaram os EUA no país mais afetado pela pandemia.

Agrava muito tal decisão estapafúrdia o fato dela ter sido realizada em meio à maior pandemia enfrentada pela humanidade nos últimos 100 anos.

A OMS, agência especializada das Nações Unidas, fundada e legitimada em acordos internacionais, tem papel essencial no combate concatenado e organizado às pandemias. Sem a sua atuação e suas diretrizes, a luta contra as pandemias torna-se muito mais difícil, especialmente em países em desenvolvimento, que não têm recursos e conhecimentos suficientes para enfrentar com sucesso ameaças graves à saúde pública.

Devemos alertar, nesse sentido, que a única saída da pandemia do Covid-19 terá de ser, necessariamente, uma saída global, que não deixe nenhum país para trás, pois a permanência do vírus em qualquer país, sem o devido combate, poderá provocar novos surtos pandêmicos.

Assim, enfraquecer a OMS, neste momento extremamente delicado, significa não apenas um grande perigo para os países que mais dependem de sua atuação, mas para toda a humanidade, inclusive, é claro, a população dos EUA, que não dispõe de um sistema público de saúde.

Por último, manifestamos nossos mais sinceros agradecimentos à OMS, que, ao contrário de alguns governos, tem recomendado medidas corretas, como a do isolamento horizontal, para combater a pandemia.

Deputada Gleisi Hoffmann, Presidenta do PT

Senador Rogério Carvalho, Líder do PT no Senado Federal

Deputado Enio Verri, Líder do PT na Câmara dos Deputados