Por Esmael Morais

STF pode soltar Lula nas próximas horas

Publicado em 10/06/2019

O ex-presidente Lula pode ser solto nas próximas horas por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF). A decisão pela soltura poderá vir após conversas entre o ex-juiz Sérgio Moro e o procurador Deltan Dallagnol terem sido divulgadas pelo site The Intercept Brasil.

Nas mensagens trocadas entre Moro e grupo de procuradores do Ministério Público Federal (MPF), no Telegram, o ex-juiz combinava os passos da força-tarefa com Deltan com o objetivo de impedir a candidatura de Lula e, após sua prisão, a eleição do candidato do PT Fernando Haddad.

LEIA TAMBÉM
Moro já começa a ser fritado no governo Bolsonaro

Ficou evidente que nem Moro nem MPF tinha provas concretas dos crimes imputados a Lula, muito menos do tríplex que o levou à prisão.

Pois bem, diante da repercussão internacional já é esperada uma reviravolta no Caso Lula –como o mundo batizou por meio da imprensa.

É nesse contexto que o ministro Gilmar Mendes, do STF, liberou o habeas corpus impetrado pela defesa do ex-presidente que é mantido preso político na Polícia Federal do Paraná há 1 ano e dois meses. Ele havia pedido vista do processo quando o placar na Segunda Turma era 2 a zero contra a libertação do petista.

Na manhã desta terça (11), as Primeira e Segunda Turmas do STF convocaram sessão extraordinária diante da “bomba” da Lava Jato revelada pelo Intercept. A expectativa é que Lula fique livre, leve e solto nas próximas horas.