Bolsonaro ‘afrouxou a tanga’ para a velha mídia, diz revista

Quem diria. A revista IstoÉ jura, na capa deste fim de semana, que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) é “outro homem” após o Carnaval, qual seja, a repercussão do vídeo pornô.

A publicação afirma que o capitão reformado ‘afrouxou a tanga’ [baixou a bola] para a velha mídia (leia-se bancos) ao aceitar o fim da aposentadoria dos mais pobres com a reforma da previdência.

“Mesmo a imprensa, que tem sido tratada aos pontapés pelo mandatário nos últimos tempos, foi chamada ao quadrilátero do Planalto para dois seguidos cafés da manhã ao lado dele, nos quais o ponto alto foi a simpatia e bom humor do anfitrião – afável, receptivo e esclarecedor, como cabe a quem comanda e deve conduzir um desafio dessa natureza”, relata o editorial de IstoÉ.

LEIA TAMBÉM
Suspeito de matar Marielle recebeu depósito de R$ 100 mil

O texto não cita em nenhum momento que Bolsonaro ficou escabreado com a prisão de dois policiais — um deles vizinho no condomínio — suspeitos de terem matado a vereadora Marielle Franco (PSOL) há um ano.

Por fim, a revista IstoÉ confirma a compra de apoios parlamentares para aprovar a diabólica reforma da previdência: “Estima-se em mais de R$ 1 bilhão, em emendas orçamentárias, o tamanho do caixa que será usado para convencer os arredios.”

A pergunta é: quanto é que a velha mídia levará desse quinhão para atuar contra o povo e transformar Bolsonaro um ‘doce’?

Comentários encerrados.