Moro deverá concretizar o Estado policial

Alçado à condição e xerife do Brasil, o juiz Sérgio Moro (PLJ) deverá concretizar o Estado policial idealizado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

LEIA TAMBÉM
Bolsonaro decretará hoje fim da lava jato com nomeação de Moro

O Partido da Lava Jato (PLJ) foi chamado a ocupar cargo no governo fascista – o superministério da Justiça – pelos relevantes serviços prestados ao proibir a candidatura de Lula e fazer boca de urna contra Fernando Haddad (PT) na eleição de outubro.

Moro deverá surrar a pauta anticorrupção e Bolsonaro a agenda marcarthista (vermelhos, oposicionistas, gays, negros, comunistas, imprensa, etc.), enfim.

Comentários encerrados.