Supremo proíbe ‘candidaturas avulsas’ nas eleições de 2018

As ‘candidaturas avulsas’ não serão admitidas nas eleições de 2018, pois o ministro do STF Luís Roberto Barroso segurou a pauta e só vai liberá-la depois de outubro.

Barroso disse que se aprovada a candidatura sem a necessidade de inscrição em um partido não haveria tempo hábil para este pleito.

Em outubro do ano passado, a Procuradoria-Geral da República deu parecer favorável a proposta de candidatura avulsa, sem filiação a partido político.

Comentários encerrados.