Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

Reinaldo Azevedo, liberal de ocasião, defende controle de preços da Petrobras

O jornalista Reinaldo Azevedo, colunista da Folha e da Bandnews, “afrouxou a tanga” do liberalismo ao defender que o governo controle os preços dos combustíveis praticados pela Petrobras.

LEIA TAMBÉM
Reinaldo Azevedo parte para a baixaria contra os caminhoneiros

Azevedo esqueceu o velho Adam Smith, aquele da mão invisível do mercado na economia, pai do liberalismo, para beber (outra vez) na fonte marxista que advoga o controle desta besta-fera chamada preços abusivos.

Liberal de ocasião, Azevedo juro que não se trata de populismo ou de intervenção estatal na Petrobras. Ele confessa a finalidade “utilitarista” de sua proposta de baixar o preço dos combustíveis: evitar que Ciro Gomes, aliado ao PT, ganhe as eleições.

Até ontem (literalmente falando) Reinaldo Azevedo propunha a privatização total da Petrobras. Agora, subitamente, prega algemar a mão invisível do mercado em nome de um projeto político sabidamente fracassado. Vide o vexame Michel Temer, de quem o jornalista é considerado um dos principais porta-vozes na mídia chapa-branca.

Adeus, Adam Smith.

Comentários desativados.