Deu ruim para o ministro do STF Luís Roberto Barroso; ação questiona palestra de R$ 46,8 mil

Conta o jornalista Luís Nassf, em seu site, que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luis Roberto Barroso, foi alvo de uma ação popular que questiona o pagamento de R$ 46,8 mil do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE-RO) a uma palestra do ministro.

De acordo com o Jornal GGN, de Nassif, a ação foi ingressada pelo advogado Pedro Leonel Pinto de Carvalho, do Maranhão, com base no levantamento dos documentos no Diário Oficial do Estado, com o “aviso de inexigibilidade de licitação” envolvendo o ministro para conceder a palestra.

Para o advogado Pedro Leonel Pinto de Carvalho, que ingressou com a ação popular, o TCE-RO não deve realizar o pagamento a Barroso, seja de forma direta ou por meio da empresa que intermediou a participação do ministro no evento.

Comentários encerrados.