30 de agosto de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Apoiadores de Lula na palestra de Deltan Dallagnol

Apoiadores de Lula na palestra de Deltan Dallagnol

Alunos da Universidade Positivo, em Curitiba, pró-Lula, se organizam para participar da palestra do procurador da República Deltan Dallagnol na semana que vem. ... 

Leia mais

27 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Sérgio Moro “pedalou” em Nova York, diz Valor Econômico

Sérgio Moro “pedalou” em Nova York, diz Valor Econômico

Em Nova York, Sérgio Moro teve festa bancada pela Petrobras.

O jornal Valor Econômico regista nesta sexta (27) que o juiz Sérgio Moro “pedalou” em Nova York, em maio, ao não registrar no sistema de transparência da Justiça Federal sua participação como palestrante em evento promovido pela Lide — a empresa de lobby do tucano João Doria. ... 

Leia mais

10 de abril de 2018
por Esmael Morais
2 Comentários

Espanha aplaude de pé Dilma Rousseff e grita: “Lula Libre”

A presidenta eleita Dilma Rousseff foi aplaudida de pé durante palestra em Madri, capital da Espanha, nesta terça (10). Ela denunciou a prisão injusta de Lula e pediu apoio internacional à sua libertação.  ... 

Leia mais

9 de abril de 2018
por Esmael Morais
4 Comentários

Deu ruim para o ministro do STF Luís Roberto Barroso; ação questiona palestra de R$ 46,8 mil

Conta o jornalista Luís Nassf, em seu site, que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luis Roberto Barroso, foi alvo de uma ação popular que questiona o pagamento de R$ 46,8 mil do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE-RO) a uma palestra do ministro. ... 

Leia mais

30 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em A palestra de R$ 46 mil do ministro Luís Roberto Barroso

A palestra de R$ 46 mil do ministro Luís Roberto Barroso

O ministro do STF Luís Roberto Barroso receberá R$ 46.800,00 para fazer uma palestra de uma hora no estado de Rondônia. A informação foi confirmada pelo Blog do Esmael no Diário Oficial Eletrônico do Tribunal de Contas de Rondônia, nº 1600, desta quarta-feira (28). ... 

Leia mais

18 de julho de 2016
por Esmael Morais
23 Comentários

Dilma diz golpistas são “parasitas” que agridem a democracia; assista ao vídeo

dilma_rousseffA presidente eleita Dilma Rousseff comparou nesta segunda (18) o golpe de Estado na Turquia com o golpe em curso no Brasil. Ela fez palestra na Universidade Federal do ABC, em São Bernardo do Campo (SP). Abaixo, assista a íntegra do discurso: Leia mais

14 de julho de 2016
por Esmael Morais
35 Comentários

Moro diz nos EUA que vai encerrar a Lava Jato em dezembro prendendo tucanos. Será?

moro_prisao_tucanoO juiz federal Sérgio Moro disse numa palestra em Washington, EUA, nesta quinta (14), que pretende terminar a operação Lava Jato ainda este ano. No entanto, para completar a obra e se mostrar imparcial, o magistrado precisará prender um bocado de tucanos no Brasil. Leia mais

5 de abril de 2014
por Esmael Morais
251 Comentários

àlvaro Dias é expulso por estudantes de universidade do PR após palestra sobre ética; assista ao vídeo

àlvaro Dias teve que empreender fuga ontem (4) à  noite depois de palestra sobre "ética" na Universidade Estadual do Centro-Oeste, em Guarapuava, a 250 km de Curitiba; senador atribuiu protesto a "grupelhos do PCdoB e PT despreparados para o debate de ideias afrontaram a democracia"; acadêmicos devolveram acusando o parlamentar de ser uma espécie de Demóstenes Torres (falso moralista) do Paraná; "Cavalaria, abaixo o choque! Cavalaria, abaixo o choque!", gritavam os estudantes, em referência ao confronto da PM com professores em 1988, quando o tucano era governador do Paraná; assista ao vídeo com as vaias, a fuga e todo o quiproquó.

àlvaro Dias teve que empreender fuga ontem (4) à  noite depois de palestra sobre “ética” na Universidade Estadual do Centro-Oeste, em Guarapuava, a 250 km de Curitiba; senador atribuiu protesto a “grupelhos do PCdoB e PT despreparados para o debate de ideias afrontaram a democracia”; acadêmicos devolveram acusando o parlamentar de ser uma espécie de Demóstenes Torres (falso moralista) do Paraná; “Cavalaria, abaixo o choque! Cavalaria, abaixo o choque!”, gritavam os estudantes, em referência ao confronto da PM com professores em 1988, quando o tucano era governador do Paraná; assista ao vídeo com as vaias, a fuga e todo o quiproquó.

O senador àlvaro Dias (PSDB-PR) foi literalmente expulso ontem à  noite da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), no município de Guarapuava, a 250 km de Curitiba, na região Centro do Paraná. O tucano falou à  comunidade acadêmica sobre à‰tica na vida pública!. ... 

Leia mais

11 de novembro de 2013
por Esmael Morais
18 Comentários

Richa prestigia Serra, autor de lei que dá prejuízo de R$ 35 bilhões ao Paraná

O ex-governador de São Paulo José Serra (PSDB) esteve nesta segunda (11), em Curitiba, na sede da Associação Comercial do Paraná (ACP), onde discorreu sobre a economia brasileira. O tucano aproveitou para elogiar o bom momento que o estado vive em função do pleno emprego. à‰ óbvio que sobrou alfinetada para o governo Dilma Rousseff (PT).

Se o Brasil crescesse no mesmo ritmo teria um cenário econômico muito melhor!, comparou Serra, que foi entusiasticamente aplaudido pelo governador Beto Richa (PSDB).

O diabo é que na prática o ex-governador paulista é algoz de todos os paranaenses. Ao invés das palmas, caberiam ensurdecedoras vaias. Mas seria esperar demais de uma organização (ACP) que é contra o feriado da Consciência Negra.

O correto seria as entidades produtivas e a Assembleia Legislativa aprovassem título a José Serra de “persona non grata” nas terras das araucárias pela explicação adiante.

Na Constituinte de 1988, o então deputado José Serra fez lobby para mudar a legislação que dispõe sobre a cobrança do ICMS sobre energia elétrica, petróleo e gás natural.

A legislação geral do ICMS estabelecia que o imposto deveria ser cobrado na origem, onde energia elétrica, petróleo e gás natural são produzidos. Mas a emenda constitucional do deputado José Serra abriu uma exceção, fixando que o imposto deveria ser cobrado no destino, onde esses produtos são consumidos.

Esta esperteza tributária, que quebrou os princípios do pacto federativo, foi feita sob medida para promover o desenvolvimento da indústria paulista e do vizinho estado de São Paulo, que não tinha energia na quantidade necessária para sustentar o seu crescimento.

Por causa do lobby do tucano Serra, que só pensou nos interesses de São Paulo, desde 1989, o Paraná perde, em média, R$ 1,5 bilhão por ano, em impostos que deixa de arrecadar. Desde que a lei foi aprovada, as perdas paranaenses já somam R$ 34,5 bilhões.

Leia mais