Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

Deputados barrados em visita a Lula pedem “medidas enérgicas” contra juíza do Paraná

Deputados que compõem a Comissão Externa da Câmara, barrados na Polícia Federal de Curitiba, irão cobrar “medidas enérgicas” do presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ). Eles foram barrados na visita que fariam nesta terça (24) ao ex-presidente Lula.

“Se tivéssemos no Brasil uma lei de abuso de autoridade, isso jamais aconteceria. Nem na ditadura se proibiu visitas a presos. Isso revela uma postura política da juíza e Lula é um preso político”, disse Paulo Pimenta (PT-RS), coordenador da Comissão Externa.

“O que aconteceu hoje em Curitiba terá consequências”, prometeu.

O deputado Wadih Damus (PT-RJ), ex-presidente da OAB do Rio, afirmou que cabe a Rodrigo Maia tomar medidas enérgicas contra essa juíza [Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal do Paraná]”.

Foram barrados na PF de Curitiba, além de Pimenta e Wadih, os seguintes deputados: Benedita da Silva (PT-RJ), Jandira Feghali (PCdoB-RJ), José Guimarães (PT-CE), José Mentor (PT-SP), Orlando Silva (PCdoB-SP), Paulo Teixeira (PT-SP), Bebeto (PSB-BA), André Figueiredo (PDT-CE), Weverton Rocha (PDT-MA), Ivan Valente (PSOL-SP) e Silvio Costa (AVANTE-PE).

Assista ao vídeo:

Comentários desativados.