Bolsonaro, o “honesto”

Publicado em 5 fevereiro, 2018
Compartilhe agora!

A pré-campanha presidencial de Jair Bolsonaro (PSL-RJ) aposta na “honestidade” como mote para convencer os eleitores. “Quer um país melhor, seja honesto! Bolsonaro 2018”, diz adesivo colado em carros que circulam na capital paranaense.

O diabo é que a marcação “honesto” é muito arriscada nesses tempos de trevas. Além disso, a história tem mostrado que esse tipo de udenismo não resiste a um vento mais forte, haja vista que o discurso moral tem prazo de validade curtíssimo.

Recentemente, o próprio Bolsonaro foi bombardeado pela mídia que questionou o patrimônio dele e da família — colocando em dúvida a tal “honestidade” alardeada no material de propaganda de seus correligionários.

Compartilhe agora!

Comments are closed.