Beto Richa nega subsídio ao transporte público de Maringá

Enquanto Curitiba e região metropolitana recebem 80 milhões para custear o transporte público, as demais regiões metropolitanas e cidades médias ficam somente com a isenção do ICMS no diesel. A Prefeitura de Maringá solicitou o aporte de R$ 9 milhões e teve o pedido negado. Vale lembrar que o subsídio para a capital só surgiu para ajudar no projeto político do governador Richa, leia-se Ducci; que por sinal naufragou mesmo com a generosa ajuda.

Enquanto Curitiba e Região Metropolitana recebem 80 milhões para custear o transporte público, as demais regiões metropolitanas e cidades médias ficam somente com a isenção do ICMS no diesel. A Prefeitura de Maringá solicitou o aporte de R$ 9 milhões e teve o pedido negado. Vale lembrar que o subsídio para a capital só surgiu para ajudar no projeto político do governador Richa, leia-se Ducci; que por sinal naufragou mesmo com a generosa ajuda.

O governador Beto Richa (PSDB) afirmou na tarde desta quinta-feira (29) que o governo do Paraná “não tem recursos para atender esta demanda apresentada neste momento” pela Prefeitura de Maringá, que solicitou um aporte de R$ 9 milhões para subsidiar o transporte coletivo e evitar o aumento no preço das passagens.

Ao participar do lançamento da segunda fase da formação de acadêmicos da 2!ª Escola de Formação, Aperfeiçoamento e Especialização de Praças (Esfaep) em Maringá, Richa lembrou que o Estado tem colaborado dentro do possível.

Dessa forma, subsídio mesmo só para a Capital, e mesmo assim a contragosto. Não custa lembrar que a ajuda financeira do governo estadual ao transporte público de Curitiba e RMC iniciou quando Beto Richa passou a prefeitura da Capital para o seu vice, Luciano Ducci (PSB). Com a derrota de Ducci, Richa tentou suspender o subsídio numa quebra de braço que quase inviabilizou a integração sistema de ônibus da RMC. Acuado, Richa manteve o subsídio contra sua vontade, pois o custo político da suspensão seria alto demais.

Com informações de O Diário

4 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I just want to say I am very new to blogging and site-building and certainly enjoyed you’re page. More than likely I’m likely to bookmark your blog post . You actually have very good posts. Appreciate it for sharing your web site.

  2. O GOVERNO ESTA CORRETO. DAR SUBSIDIO A UM TRANSPORTE PUBLICO QUE NAO E PUBLICO, ONDE A PASSAGEM E UMA DAS MAIS CARAS DO ESTADO , ONDE JA TEM INCENTIVOS FISCAIS, ONDE OS VEREADORES VIRAM QUE DEVERIA BAIXAR AS PASSAGENS , MAS O QUE FIZERAM OS EMPRESARIOS COLETIVO, AUMENTARAM QUASE DEZ POR CENTO, E O POVO USUARIOS DO TRANSPORTE COLETIVO QUE SE DANE.

  3. A recusa do Beto Richa ao subsídio do transporte de ônibus em Maringá voltará no dia 05 de outubro nas urnas, mas o povo de Maringá também pode agradecer a Ilustre Família do Ricardo Barros que sempre puxou o saco do Beto Richa.

  4. Beto resolveu gastar o dinheiro do Estado no estádio do Atlético, em publicidade e dando auxílio-moradia de 4 mil para os pobres juízes do estado.