Voto útil pode garantir vitória de Lula no primeiro turno

Pesquisa do Ipespe divulgada nesta sexta-feira (03/06) aponta o ex-presidente Lula (PT) com 45% das intenções de voto e o presidente Jair Bolsonaro (PL) com 34%.

Segundo avaliação de Tales Faria, colunista do UOL, uma eventual decisão do eleitorado brasileiro pelo chamado “voto útil” poderá eleger Lula ainda no primeiro turno das eleições presidenciais.

Some-se a isso a possibilidade do eleitor de Ciro Gomes (PDT), na reta final, migrar para o candidato do campo que tem melhor condições de derrotar Bolsonaro. O eleitor tem se mostrado pragmático nos pleitos passados.

– O temor do Ciro é perder eleitores às vésperas da votação. Boa parte desses eleitores tendem a ir para o Lula e aí ele levaria ainda no primeiro turno (as eleições) – escreveu, antevendo um derretimento do pedetista.

– Essa pesquisa mostra que continua valendo a hipótese de vitória de Lula no primeiro turno se houver o voto útil às vésperas das eleições – continuou o colunista do UOL.

Confira o cenário testado para 1º turno:

► Lula (PT): 45%

► Jair Bolsonaro (PL): 34%

► Ciro Gomes (PDT): 9%

► Simone Tebet (MDB): 3%

► André Janones (Avante): 1%

► Vera Lucia (PSTU): 1%

► Pablo Marçal (Pros): 1%

► Leonardo Péricles (UP): 0%

► Luciano Bivar (União Brasil): 0%

► Nenhum/ não iria votar/ branco/nulo: 5%

► Não sabe/ não respondeu: 2%

O Ipespe entrevistou por telefone com 1.000 entrevistados, de 16 anos ou mais, entre os dias 30 de maio e 1º de junho. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos. A sondagem foi registrada no TSE sob o número BR-02893/2022.

Veja também  José Dirceu defende tirar Bolsonaro antes das eleições de 2022