13 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula está indignado com morosidade da justiça em libertá-lo, diz Boff

Lula está indignado com morosidade da justiça em libertá-lo, diz Boff

Após visita ao ex-presidente Lula (PT) no final da tarde desta segunda-feira (12), o teólogo Leonardo Boff contou que encontrou o presidente “animado” e “cheio de humor”. Ao mesmo tempo, relatou Boff, o ex-presidente continua indignado com a morosidade da justiça em libertá-lo.  ... 

Leia mais

5 de junho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula diz a juiz que está “cansado de mentiras” da lava jato

Lula diz a juiz que está “cansado de mentiras” da lava jato

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta terça (5) ao juiz Marcelo Bretas, da lava jato, que está “cansado de mentiras” veiculadas pela força-tarefa e pela mídia. O petista foi interrogado hoje pela manhã, via videoconferência, como testemunha no caso do ex-governador do Rio Sérgio Cabral (MDB). ... 

Leia mais

30 de janeiro de 2018
por Esmael Morais
33 Comentários

Requião Filho: No final do governo, Beto Richa virou motivo de piadas no Paraná e no Brasil

As promessas não cumpridas e os escândalos de corrupção no governo Beto Richa (PSDB) viraram motivos de piada no Paraná e no Brasil. “Piada sem graça, é claro”, esclarece o deputado Requião Filho (MDB). O parlamentar escreve sobre a agonia envolta de “mentiras” nos momentos finais do tucano no Palácio do Iguaçu. ... 

Leia mais

18 de janeiro de 2018
por Esmael Morais
10 Comentários

As 50 mentiras enviadas por Michel Temer ao Supremo Tribunal Federal

Bem que o STF poderia usar o bordão “Me engana que eu gosto” do humorista e comediante Wilson Vaz, dos anos 80, em A Praça É Nossa, para comentar as 50 mentiras recebidas de Michel Temer nesta quinta-feira (18). As questões são relativas à bronca de um decreto sobre o porto de Santos, que teria beneficiado o Grupo Rodrimar. Confira abaixo. ... 

Leia mais

18 de outubro de 2016
por Esmael Morais
14 Comentários

Ministro dos Planos de Saúde apela para a baixaria na eleição de Maringá (PR)

enio_maringa_2016O ministro dos Planos de Saúde Ricardo Barros (PP), já investigado pelo MPF, partiu para a baixaria para tentar ressuscitar seu irmão, Silvio Barros II (PP), na disputa do 2º turno em Maringá (PR). A informação é do deputado Enio Verri (PT-PR), em sua coluna desta terça (18). “… desespero de quem se encontra 20 pontos atrás de seu concorrente”, analisa o colunista, que adverte: “a família Barros faz mal a Maringá”. Leia mais

6 de outubro de 2016
por Esmael Morais
33 Comentários

A única verdade no pronunciamento de Meirelles: “Porque os mais pobres é que pagam essa conta”

henrique_meirellesNo pronunciamento do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, feito na noite desta quinta (6), em rede nacional de televisão, houve somente uma única verdade dita por ele: “Porque os mais pobres é que pagam essa conta”. Leia mais

24 de outubro de 2014
por Esmael Morais
41 Comentários

“Veja é fábrica de mentiras e de ódio”, afirma ex-presidente Lula

por Paulo Moreira Leite, via Brasil 247

Poucas horas depois de tomar conhecimento da reportagem de capa da VEJA, Luiz Inácio Lula da Silva reagiu de forma indignada em entrevista ao 247:

!” A Veja é a maior fábrica de mentiras do mundo. Assim como a Disney produz diversão para as crianças, a VEJA produz mentiras. Os brinquedos da Disney querem produzir sonhos. As mentiras da VEJA querem produzir ódio, disse ele, referindo-se a um elemento da química eleitoral que adquiriu uma presença importante na campanha de 2014.

Poucos políticos brasileiros foram alvo de tamanha quantidade de reportagens negativas por parte da VEJA como Luiz Inácio Lula Silva. Reportagens erradas, bem entendido, que não debatiam suas ideias políticas, nem o PT, mas questionavam seu caráter e sua formação. Os dois episódios mais conhecidos ocorreram no ano de 2006, quando Lula disputava a reeleição !” momento especialmente propício para desastres midiáticos, como se sabe.

Em maio a revista publicou a denúncia de que Lula e vários ministros possuíam contas secretas no exterior. Como aconteceu com a capa Eles sabiam de tudo!, a revista não possuía informações confiáveis para sustentar o que dizia, admitia isso perante os leitores !” mas não se furtou lançar acusações gravíssimas que, se fossem comprovadas, levariam a um impeachment do presidente. Mas era uma farsa grotesca, com dados que não combinavam, misturados num enredo mirabolante. O autor da apuração chegou a deixar claro a seus superiores que a história não batia, possuía várias contradições !” mas ela foi publicada mesmo assim.

Em outubro daquele ano, à s vésperas do pleito onde Lula disputou a reeleição, VEJA publicou O Ronaldo de Lula,! onde sugeria que Fábio Luís, filho do presidente, havia feito fortuna atuando como lobista do governo do pai. Havia dados e números sobre os negócios de Fábio Luís mas nenhum episódio que provasse o que se insinuava.

No início do ano passado, Lula e Roberto Civita, o dono da editora Abril, foram vizinhos no hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Lula seguia no tratamento contra o câncer na laringe, do qual se recuperou, enquanto Civita cuidava do aneurisma no abdômen, causa de sua morte. Informado da gravidade da doença do empresário, Lula decidiu lhe fazer uma visita de cortesia. Civita reagiu com surpresa à  chegada do ex-presidente. Em determinado momento, Civita lembrou-se da matéria sobre Fábio Luíz e disse a Lula que lamentava terem feito aquela acusação sem provas. Lula tranquilizou Civita. Disse que não fora ali para discutir, mas para lhe desejar boa sorte. Poucos minutos depois, retirou-se.

Leia mais

13 de maio de 2014
por Esmael Morais
35 Comentários

Coluna do Enio Verri: Richa vestiu a carapuça da incompetência e fez vergonha nacional

"Beto sucumbiu". Esta é a avaliação de Enio Verri, em sua coluna desta terça, ao analisar a entrevista de Beto Richa no programa Roda Viva, da TV Cultura, na semana passada; "Por uma hora e meia, em rede nacional, o governador envergonhou os paranaenses com seu despreparo técnico e um discurso vazio, recheado de inverdades e contradições", afirma o colunista; Para o deputado do PT, o tucano vestiu a carapuça da incompetência, confessou que não investiu na saúde o mínimo exigido pela Constituição e que não respeitou o limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal ao inchar a máquina com cargos comissionados; leia o texto e compartilhe.

“Beto sucumbiu”. Esta é a avaliação de Enio Verri, em sua coluna desta terça, ao analisar a entrevista de Beto Richa no programa Roda Viva, da TV Cultura, na semana passada; “Por uma hora e meia, em rede nacional, o governador envergonhou os paranaenses com seu despreparo técnico e um discurso vazio, recheado de inverdades e contradições”, afirma o colunista; Para o deputado do PT, o tucano vestiu a carapuça da incompetência, confessou que não investiu na saúde o mínimo exigido pela Constituição e que não respeitou o limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal ao inchar a máquina com cargos comissionados; leia o texto e compartilhe.

Enio Verri*  ... 

Leia mais