Pedágio: Kielse nega que tenha pedido desculpas a deputados

Deputado Cleiton Kielse.
Deputado Cleiton Kielse.
Em nota, o deputado estadual Cleiton Kielse (PEN), absolvido na noite de terça-feira (18) pela Comissão de à‰tica da Assembleia Legislativa do Paraná, onde respondeu por declarações de que havia uma suposta máfia de colegas atuando a favor das empresas de pedágio, jura que não pediu desculpas para ninguém. Ele diz que reafirma as denúncias que fez e declara: “Se alguém tem preço eu não tenho”.

A seguir, leia a íntegra da nota oficial de Cleiton Kielse:

“Eu nunca pedi desculpas a nenhum deputado sobre o que eu falei e não pedirei desculpas a ninguém; eu simplesmente troquei a palavra comprado pela patrocinado, por orientação jurídica a qual afirmou que as doações eram legais, de acordo com as regras do TRE. Mas que continuarei batendo, agora com muito mais informações que conseguimos neste período, sem recuar absolutamente nada, para que nós venhamos a ganhar todas as ações judiciais que eu entrei contra as concessionárias de pedágio do anel de integração, sendo na Polícia Federal, Procuradoria da República, Ministério Público Federal e Ministério Público Estadual.

Para que as obras de duplicações que foram roubadas no aditivo do ano de 2000, 2002 e 2004 sejam devolvidas como na licitação original e que não haja a prorrogação do prazo deste modelo de pedágio pra justificar algum tipo de estratégia para continuarem roubando a população paranaense e matando as famílias nessas rodovias, que já deveriam estar duplicadas. Não mudo e não não mudarei os meus posicionamentos, mesmo que alguns queiram que isto aconteça. Se alguém tem preço eu não tenho”.

Veja também  Requião come 'pão com mortadela' com presidente do PT no Paraná

Comments are closed.