Cientistas descobrem nova variante da covid-19 na África do Sul; países fecham fronteiras

Cientistas descobrem nova variante da covid-19 na África do Sul; países fecham fronteiras

Uma nova variante da covid-19, cujas mutações evidenciam um “grande salto na evolução” do vírus, está causando um aumento nas novas infecções na África do Sul, disseram os cientistas nesta quinta-feira (25/11).

Nas últimas 36 horas após observar um aumento nas infecções no centro econômico da África do Sul, a província de Gauteng, os cientistas detectaram a variante B1.1.529. Até agora, 22 casos positivos foram identificados na África do Sul, de acordo com o Instituto Nacional de Doenças Transmissíveis da África do Sul.

Desde o início da pandemia, surgiram várias variantes. Uma preocupação subjacente sobre as novas variantes é se elas impedirão o progresso contra a pandemia ou se limitarão a eficácia da vacina. Cientistas sul-africanos se reunirão com a equipe técnica da Organização Mundial de Saúde nesta sexta-feira (26/11), onde as autoridades vão atribuir uma letra do alfabeto grego a este.

O ministério da saúde de Botswana confirmou em um comunicado que quatro casos da nova variante foram detectados em pessoas que estavam totalmente vacinadas. Todos os quatro foram testados antes da viagem planejada. Uma amostra também foi detectada em Hong Kong, transportada por um viajante da África do Sul, disseram cientistas sul-africanos.

Com mais de 1.200 novas infecções, a taxa de infecção diária da África do Sul é muito menor do que na Alemanha, onde novos casos estão causando uma onda. No entanto, a densidade de mutações nesta nova variante levanta temores de que ela possa ser altamente contagiosa, levando os cientistas a soar o alarme mais cedo.

Israel e Grã-Bretanha restringem o tráfego aéreo da África

Preocupados com a nova variante do coronavírus descoberta na África do Sul, Grã-Bretanha e Israel estão impondo restrições de viagem para vários países africanos. África do Sul, Lesoto, Botswana, Zimbabwe, Namíbia e Eswatini foram classificados como “países vermelhos”, anunciaram representantes de ambos os países de forma independente. Uma nova variante foi descoberta anteriormente na África do Sul, o que preocupa os cientistas.

França aumenta controle de fronteira

A França anuncia maior controle de fronteira para conter o vírus da covid. “Vamos fortalecê-lo com várias medidas”, disse o ministro da Saúde, Olivier Veran. Detalhes sobre isso seriam determinados nas próximas 24 a 48 horas. O governo já havia tomado medidas mais rígidas para conter uma quinta onda de infecções.

O presidente tcheco Milos Zeman infectado

Na República Tcheca, o presidente Milos Zeman foi levado ao hospital após um teste corona positivo. Enquanto o líder de 77 anos estiver internado, seu programa de trabalho foi suspenso, informou seu gabinete. Zeman deverá nomear Petr Fiala como o novo primeiro-ministro na sexta-feira (amanhã). Zeman havia recebido alta do hospital poucas horas antes para outro tratamento.

Mais de 100 mil mortes por Covid na Alemanha

O Instituto Robert Koch (RKI) informou na manhã de quinta-feira que o número de pessoas que morreram de ou com infecção comprovada por Sars-CoV-2 aumentou para 100.119. Além disso, outras 75.961 novas infecções corona foram anunciadas. É o valor mais alto desde o início da pandemia na Alemanha. A incidência de sete dias atingiu o pico novamente: agora é de 419,7.

No dia anterior, o valor era 404,5; na semana anterior, era 336,9 (mês anterior: 110,1).

Apesar destes valores ainda elevados, deve-se levar em consideração que, ao contrário de um ano atrás, muitas pessoas já estão vacinadas, e a taxa é elevada, especialmente entre os muito idosos em situação de maior risco. Os especialistas, portanto, presumem que o sistema de saúde agora pode suportar mais infecções novas do que antes das vacinações, visto que estas protegem muito bem contra o curso de doenças graves.

Leia também

Notícia ao vivo da Covid: Portugal adota novas medidas contra a pandemia

Notícias da Covid: Médica Ludhmila Hajjar recomenda suspender festas de Carnaval em 2022