Lava Jato cumpre mandados de busca e apreensão contra funcionário e ex-funcionários da Petrobras no Rio

A Polícia Federal (PF) cumpre na manhã hoje (20) sete mandados de busca e apreensão na 77ª fase da operação Lava Jato, no Rio de Janeiro e em Niterói.

Batizada de operação Sem Limites IV, a ação investiga fraudes na gerência executiva de marketing e comercialização da antiga diretoria de abastecimento da Petrobras.

LEIA TAMBÉM
Janaina Paschoal instiga bolsonaristas contra Kassio Marques no STF

[Vídeo] Nitazoxanida será a nova Cloroquina de Bolsonaro??

Ivan Valente: “Russomanno quer trazer a picaretagem de Bolsonaro para São Paulo”

Os alvos são seis ex-funcionários e um atual funcionário da estatal acusados pelo Ministério Público Federal (MPF) de terem recebido R$ 12 milhões em propina em negociações estrangeiras de combustíveis e derivados de petróleo.

“Há indícios que, ao longo dos anos, os agentes públicos atuaram para beneficiar empresas estrangeiras em esquemas de corrupção variados, recebendo em contrapartida cifras milionárias a título de propina”, afirmou o procurador da República Athayde Ribeiro Costa.

A operação de hoje é um desdobramento da 57ª fase da Lava Jato, desencadeada em dezembro de 2018.

Compartilhe agora