Inseguro, governo suspende volta às aulas presenciais no PR

O governo do Paraná recuou, por ora, da volta às aulas presenciais que estava marcada para esta segunda-feira (19) em 56 escolas de trinta municípios do estado.

Segundo o presidente da APP-Sindicato, Hermes Leão, o governo Ratinho Junior (PSD), por falta de segurança, suspendeu a retomada que estava prevista para hoje. No entanto, esclareceu o representante dos educadores, pretende fazê-lo na quarta (21).

“Pelo que repercutiu, os equipamentos de segurança não chegaram a tempo”, disse o dirigente da APP, referindo-se às EPIs (equipamentos de proteção individual) essenciais ao cumprimento de protocolos.

O fato é que o governo está inseguro para voltar às aulas presenciais e sabe, se houver problemas, será diretamente responsabilizado pela sociedade paranaense.

A APP-Sindicato reafirmou que vai deflagrar greve na categoria, contra a presença física dos educadores nos estabelecimentos de ensino.

Segundo Hermes Leão, em entrevista ao Blog do Esmael, no sábado (17), a greve será de um tipo diferente porque as aulas online continuarão. A “paralisação” é no sentido de professores e funcionários não compareçam às escolas.

“Aula presencial somente após a vacinação”, disse o presidente da APP-Sindicato.

Assista ao vídeo [boletim especial]:

Leia mais sobre a volta às aulas presenciais

Volta às aulas presenciais, não: professores deflagram greve segunda-feira no PR; assista ao vídeo

No Dia dos Professores em tempos de pandemia há pouco o que comemorar

Professores definem greve dia 19 contra volta às aulas presenciais no PR

Compartilhe agora