Moro ignora Dallagnol e se une a presidente do PSL, Luciano Bivar

Publicado em 9 outubro, 2019
Compartilhe agora!

O ex-juiz Sérgio Moro ignorou o antigo parceiro no comando de caça a Lula, Deltan Dallagnol, preferindo a companhia de Luciano Bivar e parlamentares do PSL. Segundo o Estadão, isso tudo aconteceu na noite desta terça-feira (8), em um restaurante de Brasília.

LEIA TAMBÉM
Adeus PSL: Bolsonaro pode ingressar na nova UDN

Bolsonaro pode ser expulso do PSL

Bolsonaro teria se beneficiado do esquema de laranjas do PSL via caixa 2, aponta assessor

Quando Moro entrou no restaurante, Dallagnol chegou a se levantar para cumprimentar o ministro da Justiça. Mas o ex-juiz deixou o procurador no vácuo. Deltan estava acompanhado de outro procurador lavajatista, Roberson Pozzobon. Mas Moro nem tchuns.

É no mínimo estranho que o ministro que manda na Polícia Federal tenha encontros com o presidente e parlamentares do PSL. Estaria ele armando para Bolsonaro?

Há uma tese corrente de que Moro estaria trabalhando pela cassação do presidente Bolsonaro. Então haveria novas eleições e, com Lula ainda fora do cenário, Moro seria favorito. Será?

Com informações do Estadão

Compartilhe agora!