Adeus PSL: Bolsonaro pode ingressar na nova UDN

Publicado em 8 outubro, 2019
Compartilhe agora!


O militante de extrema-direita Marcus Alves, fundador e presidente União Democrática Nacional (UDN), declarou nesta terça-feira (8) que a sigla está pronta para receber o presidente Jair Bolsonaro e os políticos que integram o clã familiar.

O dirigente tem conversado com interlocutores do governo Jair Bolsonaro sobre uma possível transição para o futuro partido. “Estamos de braços abertos para a família Bolsonaro”, disse Alves em entrevista ao jornal Estado de São Paulo.

O presidente Bolsonaro chegou a falar a um apoiador, na manhã desta terça, que era para ele “esquecer” o Partido Social Liberal (PSL) e acrescentou que o presidente da legenda, o deputado Luciano Bivar (PE), “está queimado para caramba“.

LEIA TAMBÉM:

Bolsonaro pode ser expulso do PSL

Bolsonaro pode ser expulso do PSL

Bolsonaro teria se beneficiado do esquema de laranjas do PSL via caixa 2, aponta assessor

A nova versão da UDN é um partido de extrema-direita em processo de final de legalização no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo Alves, o partido estará apto para participar das eleições municipais de 2020.

*Com informações do Estado de São Paulo

Compartilhe agora!