Bolsonaro sanciona a “prisão” para tratamento de usuários de drogas

Publicado em 6 junho, 2019
Compartilhe agora!

Bolsonaro sancionou a Lei que autoriza a internação à força de usuários de drogas, considerados dependentes químicos. O texto foi publicado nesta quinta-feira (5) no Diário Oficial da União.

A Lei é de autoria do deputado Osmar Terra (MDB-RS), atual ministro da Cidadania. O mesmo que engavetou uma pesquisa da Fiocruz encomendada pelo governo para embasar as políticas públicas do setor.

LEIA TAMBÉM: Pesquisa sobre drogas da Fiocruz é engavetada pelo governo

A regra estabelece que a internação involuntária dependerá do aval de um médico e terá prazo máximo de 90 dias.

A solicitação para que o dependente seja internado poderá ser feita pela família ou por um servidor da área da saúde, assistência social ou de órgãos integrantes do Sistema Nacional Antidrogas.

Esse tipo de medida é criticada por vários motivos. Entre eles, está a ausência de estrutura adequada no SUS para tratar os usuários; e a possibilidade dessa Lei ser usada para fazer a “limpeza” das cracolândias, ou simplesmente a retirada dos pessoas em situação de rua; entre outras.

Com informações do G1.

Compartilhe agora!