Por Esmael Morais

Efeito Bolsonaro: Banco Central reconhece que PIB encolheu

Publicado em 14/05/2019

A ata do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) publicada nesta terça-feira (14) aponta que “os indicadores disponíveis sugerem probabilidade relevante de que o Produto Interno Bruto (PIB) tenha recuado” no primeiro trimestre de 2019.

O Copom acrescenta que os indicadores do primeiro trimestre induziram revisões substantivas nas projeções de instituições financeiras para o crescimento do PIB em 2019.

“Essas revisões refletem um primeiro trimestre aquém do esperado, com implicações para o ‘carregamento estatístico’ [herança do que ocorreu no ano anterior], mas também embutem alguma redução do ritmo de crescimento previsto para os próximos trimestres”, diz a ata.

LEIA TAMBÉM: Dólar dispara e Bolsa despenca nesta segunda

O mesmo documento aponta que a inflação está em alta, mas “deve recuar” mais adiante. A taxa básica de juros (Selic) foi mantida em 6,5% ao ano.

Ou seja, tá feia a coisa e tende a piorar.

Com informações da EBC.