Eduardo Bolsonaro ajudaria mais o governo parando de falar asneira, diz Malafaia

Publicado em 18 março, 2019
Compartilhe agora!

O pastor Silas Malafaia criticou o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) por ele ter afirmado que brasileiros em situação ilegal nos Estados Unidos são “uma vergonha” para o país.

LEIA TAMBÉM:
OAB empareda a lava jato

Pelo Twitter, o pastor que é apoiador do presidente Jair Bolsonaro (PSL), afirmou não ter vergonha dos imigrantes ilegais e que essas pessoas são “trabalhadores que foram tentar a vida fugindo do desemprego”.

“EU SOU EXATAMENTE AO CONTRÁRIO DO QUE PENSA EDUARDO BOLSOBARO > Não tenho vergonha dos brasileiros ilegais q estão em diversas nações poderosas. Ñ são vagabundos nem pilantras, pelo contrário, trabalhadores q foram tentar a vida fugindo do desemprego. ISSO É A MAIORIA DELES!”, escreveu Malafaia na noite de ontem (17).

Malafaia afirmou ainda na rede social que o filho do presidente fala “asneira”.

“O FILHO DO PRESIDENTE, Eduardo Bolsonaro, ajudaria muito mais ao governo do seu pai, parando de falar asneira. Poderia ter ficado de boca fechada na questão dos imigrantes ilegais brasileiros. Não conhece a realidade da questão. A maioria, quase q absoluta, vai para trabalhar”, completou.

A fala de Eduardo Bolsonaro aconteceu no domingo (17) ao fim de um evento organizado pelo ex-estrategista do presidente norte-americano Donald Trump, Steve Bannon, em Washington.

Compartilhe agora!