Mandioca neles, Dilma!

O PMDB de Michel Temer anuncia para terça uma baixaria contra Dilma Rousseff, derrubada pelo golpe de 2016, nas inserções do horário eleitoral do partido.

Jornalões aplaudem o que eles chamam de “ironia” ao discurso de Dilma saudando a mandioca como “uma das maiores conquistas do Brasil”.

A pergunta que não quer calar é: o PMDB mostrará, também, Eduardo Cunha, Geddel Vieira Lima, Henrique Alves, enfim, a “organização criminosa” que tomou de assalto o poder e foi flagrada com a boca na botija?

Os golpistas são todos farinha [de mandioca?] do mesmo saco.

Temer igualmente poderia mostrar a disparada do preço do botijão de gás, da gasolina, o aumento do desemprego, a volta do trabalho escravo, as criminosas privatizações, além das roubalheiras já mencionadas pelo Ministério Público Federal.

O publicitário responsável pela peça é Elsinho Mouco, homem de confiança de Temer.

Dilma, mandioca neles!

Comentários encerrados.