Para evitar 2º turno, Richa convoca comissionados para ‘ataque final’ pró-Greca

richa_comissionados_grecaO governador do Paraná Beto Richa (PSDB) determinou que o exército de 4 mil comissionados do governo do estado vá às ruas na sexta-feira, dia 23 de setembro, para o ‘ataque final’ com o intuito de forçar a vitória do candidato Rafael Greca (PMN) no primeiro turno em Curitiba.

Os estrategistas do Palácio Iguaçu já definiram que pedirão voto útil em cima dos candidatos Ney Leprevost (PSD) e Maria Victória (PP), ambos com eleitorado de perfil idêntico ao de Greca.

Portanto, daqui alguns dias, serão vistos nas esquinas milhares de comissionados bandeirando pelo candidato do governador do PSDB em Curitiba.

O objetivo do ‘ataque final’ é evitar que a eleição na capital paranaense avance para o segundo turno, pois, avalia Richa, qualquer um dos adversários seria favorito contra o ex-prefeito na segunda etapa eleitoral.

Com o aliado na Prefeitura de Curitiba, Beto Richa renasce das cinzas para disputar como favorito o Senado em 2018. Eis a questão.

Comentários encerrados.