Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

Para Lula, ‘oposição quer tirar o pobre para botar o rico no poder’

do Brasil 247

Ex-presidente Lula afirmou nesta segunda-feira, 7, em São Paulo, que o País não pode permitir que "haja um golpe de Estado via impeachment" no Congresso Nacional; Lula destacou que para haver impeachment da presidente Dilma Rousseff, é necessário ter razão e uma motivação clara; "No caso da Dilma, não tem nenhuma motivação a não ser ódio, a não ser preconceito, a não ser tentar desmontar um projeto que, com ajuda de milhões de pessoas que vivem no anonimato, que produzem a riqueza deste país, ajudaram a gente a construir", enfatizou.

Ex-presidente Lula afirmou nesta segunda-feira, 7, em São Paulo, que o País não pode permitir que “haja um golpe de Estado via impeachment” no Congresso Nacional; Lula destacou que para haver impeachment da presidente Dilma Rousseff, é necessário ter razão e uma motivação clara; “No caso da Dilma, não tem nenhuma motivação a não ser ódio, a não ser preconceito, a não ser tentar desmontar um projeto que, com ajuda de milhões de pessoas que vivem no anonimato, que produzem a riqueza deste país, ajudaram a gente a construir”, enfatizou.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta segunda-feira, 7, em São Paulo, que o País não pode permitir que “haja um golpe de Estado via impeachment” no Congresso Nacional.

“Para recolocar o trem de volta nos trilhos [o país] a gente não pode permitir que haja um golpe de Estado via impeachment no Congresso Nacional”, ressaltou o ex-presidente.

Lula destacou que para haver impeachment, é necessário ter uma razão e uma motivação clara. O que está por trás da tentativa de impeachment da presidente da República, segundo Lula, é o “desejo da oposição de tirar o pobre do poder”.

“Obviamente que o impeachment faz parte do processo democrático. Todos nós aqui participamos do impeachment do Collor [Fernando]. Mas o impeachment tem que ter uma razão, tem que ter uma motivação. E, no caso da Dilma, não tem nenhuma motivação a não ser ódio, a não ser preconceito, a não ser tentar desmontar um projeto que, com ajuda de milhões de pessoas que vivem no anonimato, que produzem a riqueza deste país, ajudaram a gente a construir”, enfatizou.

Comentários desativados.