Por “erro” de Richa, Justiça suspende contratação de educadores PSS

bibliotecariosA Juíza Thais Sampaio da Silva Machado, da 1ª Vara Federal de Curitiba, concedeu liminar ao Conselho Regional de Biblioteconomia do Paraná (CRB) suspendendo as contratações pelo Processo Seletivo Simplificado (PSS) para a função de Assistente Administrativo nas escolas do estado.

O problema é que o governo Beto Richa (PSDB), segundo o Conselho, estava contratando assistentes para exercerem função que é privativa dos bibliotecários, exigindo a formação na área.

Conforme o texto da liminar, “Os fatos narrados pelo Impetrante trazem à baila a hipótese de que o Estado do Paraná, por meio de PSS, estaria contratando pessoas sem a qualificação técnica necessária para o exercício das atribuições dos cargos de Assistente Administrativo e Assistente Administrativo Inspetor de Internato/Feminino e Masculino, visto que o Edital prevê atividades próprias de Bibliotecários sem a exigência do respectivo diploma”.

Bibliotecas bem estruturadas com profissionais qualificados são essenciais em qualquer escola para que a processo educativo tenha qualidade. Mas, para Beto Richa, “governar é fechar escolas”, então, para que bibliotecas?

Confira o texto da liminar a seguir: 

http://www.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2015/11/Decisao-Concurso-SEED.pdf

Comentários encerrados.