Coluna do Requião Filho: “Defender o Paraná contra ataques do ‘Garoto Propaganda’ Beto Richa”

requiaofilho_richa.jpgRequião Filho*

Em um governo onde imagem é tudo, onde se manipulam números e se dança miúdo para apresentar na mídia uma realidade diversa da vivida por milhares de paranaenses, a verdade sempre fica escondida atrás dos holofotes das redes de televisão e bem abaixo das impressoras dos grandes tablóides. Assim é o Paraná que acredita!, onde até o orçamento era fictício, como dizia a mídia impressa.

Só que no Paraná de verdade, a falta de gestão se faz notória! Não há maquiagem midiática que consiga esconder que o Governo meteu os pés pelas mãos. Nosso Estado que teve um aumento de arrecadação nos últimos anos conseguiu quebrar. Quebrou pelo fato de ter sido gasto mais do que se arrecadou.

O Paraná começou 2015 com uma dívida na casa dos bilhões de reais com prestadores de serviços e outros credores. Sem falar na dívida com o funcionalismo público em salários, promoções, férias e outros.

Promessas de campanha e irresponsabilidade de gastos visando apenas à  vitória no pleito eleitoral afundaram de vez a economia do Estado. Despesas foram autorizadas e os famigerados comissionados, com um aumento estratosférico, causaram um impacto na folha que levou o Paraná a chegar ao limite da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Em 2013, já se visualizavam sinais da má administração, inclusive, naquele ano, devido a pagamentos atrasados, empreiteiras paralisaram obras.

Infelizmente, a imagem se sobrepôs à  realidade e o Garoto Propaganda conseguiu a reeleição. Hoje o caos impera sobre nosso Estado. As greves são deflagradas uma a uma e manifestações de apoio da população aos movimentos aterrorizam o sono do “alcaide supervalorizado”, que hoje é simplesmente o rostinho de um grupo de interesse econômico que visa lucrar com a falência de nosso Estado.

Temos que defender o Paraná! Temos que defender sua população das mãos de administradores que não primam em realizar melhorias eficazes para os paranaenses. A imagem não pode se sobrepor à  realidade. No Paraná de verdade o povo luta por aquilo que acredita e defende seus direitos e seu Estado!

*Requião Filho é advogado, deputado estadual pelo PMDB, vice-líder da oposição na Assembleia Legislativa do Paraná, especialista em políticas públicas. Escreve à s quintas no Blog do Esmael.

25 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Eeeita, inda tem lokinho que defende o motorista de carrinho de rolamento. O richozinho é um aspirante a político, mas não passa de um purgantinho obediente do psdb. Esses aí que defende o ranhentinho do richa, são os cachorrinho dele, os lambe-lambe saco do governinho marca zóio. Cum certeza tumém, num tem cumpetência ninhuma tá cérto, bando de lagarto zoiudo sem rumo.

  2. Diferentemente do seu pai, Vossa Excelência terá a oportunidade de fazer algo pelo estado e Curitiba. Até pq achar uma obra do ex-prefeito ou governador Requião na capital é mais difícil que dar jeito na Petrobras. Como o tempo esta ao seu favor, acredito que vc poderá reescrever a história.

  3. Num momento em que o governador na verdade reina por ter nas mãos praticamente toda a bancada, a ajuda do deputado Roberto deve ser comemorada. Embora a “velha mídia” insista em taxar nossa causa como partidária, todos sabem que em sua raiz isso nunca foi verdade. Entretanto, deputados que nunca pensei em votar, hoje estão nos defendendo e isso, nem eu nem outros professores e servidores vão esquecer. Pela primeira vez, tanto eu quanto vários colegas estão participando ativamente de um processo político. Isso faz reacender os ideais da juventude e não esquecer que nosso voto faz sim diferença. Que a velha máxima de que “o povo unido jamais será vencido” pode sim fazer a diferença. De que nem tudo está perdido. De que em meio a bravatas, a juízes ou desembargadores venais, regalias, “bolsas tudo” e “auxilíos tudo” (ñ vejo diferença entre os dois, a ñ ser a classe que a requer), vemos que temos sim o poder (mesmo sem saber usá-lo) nas mãos. Espero que todas as categorias que sintam-se exploradas ou lesadas de alguma forma, também levantem seus cartazes e escancarem seus problemas da mesma forma que os servidores da educação. Só assim, saberemos a realidade escondida pelo comodismo ou conformismo destrutivo. Enfim, aproveito para agradecer ao Deputado Roberto Requião Filho e demais que estão solidários aos direitos da nossa categoria. Mais uma vez, vocês não serão esquecidos.

  4. Sua administração foi péssima, não consigo entender como esse garoto propaganda ganhou a eleição. E agora muitos paranaenses enganados, é impressionante como ele tenta enganar de novo, mas a população vai á luta corrigir o que errou, voto errado pois, esse é o paraná desacreditado nesse governo de mentiras.

  5. SENADOR ROBERTO REQUIÃO
    NADA AGORA É MAIS IMPORTANTE DO QUE VARRER…
    ESTA GENTE IMORAL DA POLÍTICA DO PARANÁ…
    ESSA GENTE NÃO VALE O QUE COME !!!

    Minha gente povo do meu Paraná !
    A sociedade civil tem que entrar em juízo já !
    Ações Populares !
    Mas acima de tudo…
    PELO AMOR DE DEUS !
    VAMOS ACABAR COM ESTE CORRUPTOS NA POLÍTICA DO PARANÁ ,
    VAMOS DE UMA VEZ POR TODAS,
    ANOTAR CADA UM DOS NOMES,
    E FAZER CAMPANHA CONTRA,

    NADA AGORA É MAIS IMPORTANTE DO QUE VARRER ESTA
    GENTE IMORAL
    DA POLÍTICA DO PARANÁ.

    ESTÃO VENDENDO,TRAINDO O COMPROMISSO COM O POVO ,
    PARA CONSEGUIR ALGUNS BENEFICIOS ELEITORAIS ,
    ESTÃO VENDENDO A NOSSA COMPANHIA DE SANEAMENTO DO PARANÁ,
    A NOSSA SANEPAR
    EM TROCA DE ALGUNS PEQUENOS FAVORES.
    E QUEM VAI PAGAR TUDO ISSO ,
    É O POVO COM O AUMENTO DAS TARIFAS DE (H20) AGUA E TAMBÉM DE ENERGIA ELÉTRICA QUE FICARÃO CADA VEZ MAIS CARAS !
    REAÇÃO PARANÁ !
    REAJAM PARANENSES !!!
    ESSA GENTE NÃO VALEM O QUE COME !!!

    VEJAM O VIDEO – SENADOR ROBERTO REQUIÃO – ALERTA ANTES DAS ELEIÇÕES – E AGORA – O QUE FAZER ? IMPEACHMENT JÁ !

    https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=eoAV2Vcxaso

  6. Beto Richa já tá encomendado pro Hell, e quem tiver junto vem com ele…

  7. Excelente texto, com sempre. Leva-nos a reflexão. É muito gratificante constatar que um jovem – nos tempos de hoje – tenha essa visão ampliada do mundo que o cerca e não fique no supérfluo, como se observa nos comentários medíocres – para não dizer maldosos e invejosos – de certos seres que orbitam nesse blog. PARABÉNS, Mauricio Requião pela sua luta, coragem em prol da educação. Seu apoio aos servidores públicos denota a sua sensibilidade social…Esperamos – eu e muitos de nós – que, em um futuro não muito distante, seja nosso Governador.

  8. Falastrão é pouco. Se porta agora como o amigo numero um dos professores. Será que ele sabe quanto ganhava um professor quando seu pai era governador? Será que esse jovem sabe que seu pai entrou com adin no STF contra o piso do professor? Será que esse jovem sabe que seu pai achava um absurdo o pagamento de hora atividade para o professor? Será que esse jovem sabe que seu pai não fez nada para resolver o problema que criaram com a especialização de professores na vizivalli?

    Pelo jeito não sabe de nada, muito comum na dita “esquerda” desse país.

    Pois bem meu jovem, se hoje o Paraná passa por dificuldades financeiras foi porque o Beto Richa teve a decencia de valorizar todas as categorias de servidores, com especial atenção aos professores e policiais. Fez despesas contando com aumento de receitas que não se concretizaram, mas que em breve estarão fazendo frente a todos os compromissos e investimentos necessários.

    Para os professores foi dado aumento real de 60%; para os policiais aumentos reais de até 100%, dependendo do grau hierarquico e função.

    A hora atividade dos professores foi para o patamar desejado por eles, pois para um professor que tem 40 horas semanais, apenas 26 horas são cumpridas em sala de aula, porque as outras 14 – a hora atividade – fica fora da sala de aula, para melhor conduzir seus trabalhos e melhorar a qualidade do ensino.

    Tudo o que tinha de problema, herdado de seu pai, foi resolvido.

    • Calma, sua notória defesa desse governador me parece que ele é um “deus”, apenas para os comissionados.

    • Bento Richa resolveu os problemas da Educação? Em que mundo você vive? Aumento de 60% dos salários dos professores? Pode ser que o governador aumentou 60% em gastos com a educação, mas não foi nos salários! Talvez tenha sido em alguns dos contratos com a positivo ou em outra maracutaia cheia de notras frias!

      Entrei no estado em 2006 através de concurso público, o salário era ridículo ( por volta dos R$ 500 com R$ 200,00 de bonificação assiduidade e outra coisa que não lembro e poderiam ser retirados a qualquer momento), Requião corrigiu as distorções salariais da classe e implantou o plano de carreiras para a categoria se não me engano. Se eu estiver errado por favor me corrijam!

      • Responda então o que não quer calar aos professores, antes da eleição reunião com diretores e núcleos de educação? Depois da eleição, nad vésperas das eleições para diretor, usou o tratoraço e a comissão geral e cancelou todo o processo eletivo para diretor e determinou que o mandatos dos diretores seria estendidos por tempo indeterminado? Usou a máquina de todas asas formas na sua eleição.

    • Não defenda o que não tem defesa!!!!
      Richa é um péssimo administrador, e um Ditador!!!!
      Não tem principio, e nem ética.
      Afundou o estado, todas as verbas disponíveis em todos os segmentos estatais, ele sugou em beneficio próprio, ou até você pode ter sido um dos beneficiados!!!

  9. Na campanha de 2014 o mote do Betinho era:”O Paraná Que Acredita,Beto Richa!,mas o ideal seria:”O PARANÁ QUE ACREDITA NAS MENTIRAS DO BETO RICHA!

  10. Urge tomarmos providências populares!
    Recolhimento urgente de assinaturas decapoio à abertura de um CPI a fim de investigar o descontrole deste irresponsável que senta a bunda coberta por bermudinha atlética na cadeira – mor do Iguaçu.
    Quando o povo começa a gritar e pedir para que se mantenham seus direitos conquistados com muita luta, uma luta histórica, entra com liminares para terminar com movimentos legítimos de reivindicação.
    Ao invés de mostrar a cara botocada (igual a um dos seus mentores principais, o Alvaro Poodle Dias), manda Moe, Larry e Curly Joe para realizarem suas estrepolias patéticas, que não enganam nem divertem mais ninguém.
    Tal qual o pai, Requião Filho, o futuro governador legítimo do PR, realiza mais uma excelente síntese do momento, levantando o âmago da questão: a guerra da imagem, da aparência, da vaidade, acima dos interesses do povo!
    Dá-lhe, Requião Filho!
    Um abraço fraternal deste Zé!

  11. Credo… até o guri do requiao querendo tirar”uma” do Beto Richa…é o fim dos tempos!Apocalíptico….

  12. Infelizmente estamos vivendo na era do marketing onde pela força da mídia se consegue vender o que não presta, de perfume fedorento a político incompetente e corrupto. E o resultado é isso que estamos vendo no Paraná.

  13. falastrão igual ao pai

    atrasado, ditador, incompetente, prejudicou o setor agricola, prendeu produtores,

    incentivava invasão de terras, centros de pesquisa e pedagios.

    • Talvez seja um falastrão, mas eu gostei mesmo do Ogier Bucci e seu 1% de votos… o laranjão do Beto e do Ratinho…

    • difícil dizer que o Requião estagnou a agricultura, na verdade nunca faltaram incentivos para tal.. as instituições de apoio ao pequeno agricultor funcionavam.
      invadir pedágio?? porque não?? se fosse pedágio justo que não onerasse a população e a produção tudo bem.
      Moro em Foz, 150 Km de Cascavel, para visitar minha família em Cascavel gasto 46 reais de pedágio e 40 reais de combustível.. é razão suficiente para invadir e destruir os pedágios mais caros do mundo, medida lastimável a ser tomada pela população quando nada mais funciona na Justiça e no governo.. o Brasil, o Paraná é um “criame” de ratos da direita e da esquerda.. semianalfabetos formados nas piores universidades do mundo (USP, UNICAMP, UFPR, UFRJ, UNIOESTE, UEL, UFSM, PUC, etc)… pessoas que se consideram capazes de contra-dizer os maiores clássicos do Liberalismo e do Socialismo que eles não foram capazes de estudar com PROPRIEDADE..TUDO É DETURPADO NO BRASIL…

    • Tá, deu?
      Só vociferação.
      Tem alguma prova do que diz?
      Ensaque a viola, e vá cantar noutra freguesia,
      com o seu parceiro Tadando, para forma a dupla:
      Tadeu & Tadando.

      • Tonico, você que é comissionado, ganha bem, aproveite o que ainda lhe resta do seu cargo.O povo está saindo as ruas e vocês terão que se esconder no mato para não apanhar na cara. Chega de sustentar esta corja de malandros, canalhas, larápios do dinheiro público. Aproveitando o ensejo, se olhe no espelho e veja que ainda tem um pouquinho de esperma do seu chefe no canto da sua boca.

  14. ENTRA ANO E SAI ANO E SOMA-SE OS SÉCULOS E A ESTRATÉGIA É SEMPRE A MESMA: QUANDO HÁ MÁ-FÉ, INCOMPETÊNCIA, IRRESPONSABILIDADE E MÁ GESTÃO DOS GOVERNANTES SEMPRE APELAM E APELARÃO PARA O CULTO A PERSONALIDADE!

    Excelente texto e observações pertinentes do cidadão Mauricio Requião!
    Ou seja, a exaltação sistemática de um dirigente máximo de um país, principalmente pela ação da propaganda. A expressão foi usada pela primeira vez em 1956 pelo PCUS, para caracterizar o modelo de personalização do poder de Estaline, entre 1924 e 1953. O modelo foi particularmente desenvolvido pelos totalitarismos contemporâneos. No fascismo italiano quando surgiu o Duce, Benito Mussolini. No nazismo, o Fuhrer. No comunismo soviético, o estalinismo foi marcante, exportando-se o modelo para Dimitrov, Enver Hodja, Kim-il-sung e Mao Tse Tung. Muitos autoritarismos adoptaram a perspectiva. Em Espanha, surge o caudillo. No Egipto de Nasser, o Rais. O culto transforma ao chefe ou o governante numa espécie de pai do estado que, ao contrário do paternalismo monárquico, parece dotado de poderes de um super-homem intelectual e técnico, principalmente no tocante à coragem e onde se exaltam as qualidades (falsas diga-se de passagem) que, em lugar do amor filial, são sobretudo as da compaixão. Só os processos de propaganda política do século passado, desde a fotografia ao poster gigantesco, passando pelo próprio cinema, permitiram tal modelo que, paradoxalmente, afetou em particular os partidos comunistas e também capitalistas. Com efeito, quanto mais formatada pela legitimidade racional é uma ideologia, mais ela precisa de ser compensada pelos recursos à legitimidade carismática artificiosa, onde a magia do chefe inventado também apela para as memórias da legitimidade tradicional. Também entre nós se deu o culto da personalidade de Salazar durante o Estado Novo, vestindo-o da coraça de D. Afonso Henriques em luta contra a moirama do reviralho e comunista ou fazendo coincidir o respectivo perfil com o mapa do Portugal europeu. Não faltou sequer a própria instrumentalização de uma das figuras do painel de Nuno Gonçalves, de tal maneira que o oposicionista monárquico Hipólito Raposo chegou a caracterizar o regime do Estado Novo como uma salazarquia. O Culto da Personalidade ou Culto à personalidade é uma estratégia de propaganda política comum em regimes autoritários, baseada na exaltação das virtudes – reais e/ou supostas – do governante, bem como da divulgação positivista e inventiva de sua figura. O culto inclui cartazes gigantescos com a imagem do líder, constante bajulação do mesmo por parte de meios de comunicação e perseguição aos dissidentes do mesmo – tudo isso é culto à personalidade. Hitler, Stalin, e Saddam Hussein, Barak Obama e Beto Richa (exemplo próximo) são apenas alguns exemplos dessa tendência política para o século 21.

  15. Realmente não dá para entender de como o homem ganhou a eleição e no primeiro turno ainda!