Graça cai. Meirelles, “amigo” de Requião, cotado. Ação dispara

dilma_graca_petrobrasO ex-presidente do Banco Central Henrique Meirelles, desafeto de estimação do senador Roberto Requião (PMDB-PR), é cotado para assumir a presidência da Petrobras. Segundo informações do Brasil 247 e da Folha, Graça Foster caiu.

Ainda segundo das duas fontes, a executiva não resistiu à s pressões decorrentes da Operação Lava Jato, que investiga desvios bilionários na estatal de petróleo. A presidenta Dilma Rousseff, até então, vinha defendendo a permanência da presidenta da estatal.

Por outro lado, a agência de notícias Reuters registra que o Palácio do Planalto nega a queda de Graça.

De acordo com o site Infomoney, especialista em economia, a notícia sobre a saída de Graça Foster fez as ações da Petrobras dispararem 9% na manhã desta terça-feira (3).

Para Requião, Meirelles é verdeira encarnação de Mamom (dinheiro) e representante do capital vadio (mercado).

Comentários encerrados.