Por 359 votos a 1, Câmara aprova cassação de André Vargas

da Agência Câmara
camara_vargas.jpgO Plenário da Câmara aprovou, por 359 votos a 1 e 6 abstenções, o pedido de cassação do mandato do deputado André Vargas (sem partido-PR) por quebra de decoro parlamentar, conforme recomendação do Conselho de à‰tica e Decoro Parlamentar. A perda do mandato terá efeitos após a publicação da resolução derivada do processo.

Conforme o parecer do relator Júlio Delgado (PSB-MG) no Conselho, Vargas quebrou o decoro parlamentar ao ter atuado na intermediação junto ao Ministério da Saúde em favor do laboratório Labogen, do doleiro Alberto Youssef, preso em março por participação em esquema de lavagem de dinheiro. O parecer enfatizou ainda o alto custo da alocação de aeronave usada por Vargas !“ cerca de R$ 105 mil !“, quantia que foi financiada pelo doleiro.

Comentários encerrados.