Richa mexe no governo e Pedro Guerra, do PSD, volta para casa

Publicado em 1 outubro, 2013
Compartilhe agora!

A saída de Hauly da Fazenda repercutiu no PSD; mudança de Richa no governo tira Pedro Guerra da Câmara; esta é a segunda baixa do partido de Eduardo Sciarra e Ney Leprevost em menos de uma semana; coincidência ou não, legenda flerta cada vez mais com Gleisi.
A saída de Hauly da Fazenda repercutiu no PSD; mudança de Richa no governo tira Pedro Guerra da Câmara; esta é a segunda baixa do partido de Eduardo Sciarra e Ney Leprevost em menos de uma semana; coincidência ou não, legenda flerta cada vez mais com Gleisi.
O deputado Pedro Guerra (PSD), primeiro suplente da coligação de Beto Richa (PSDB), retorna à  cidade de Pato Branco com a volta de Luiz Carlos Hauly à  Câmara.

Nesta terça (1), Hauly jogou a tolha e foi substituído interinamente pela procuradora-geral do Estado, Jozélia Nogueira.

Esta é a segunda baixa política do PSD em menos de uma semana, pois na quinta Richa extinguiu a Secretaria do Turismo que estava sob o comando da sigla. Coincidência ou não, a legenda vem flertando com a ministra Gleisi Hoffmann (PT).

Guerra ocupa vaga da deputada Cida Borgheti (PP), que está licenciada. O segundo suplente é Pastor Oliveira (PRB) e o terceiro Luiz Nishimori (PSDB).

Pedro Guerra informou que disputará a reeleição em 2014.

Compartilhe agora!

Comments are closed.