27 de outubro de 2013
por Esmael Morais
4 Comentários

Lula completa hoje 68 anos despertando amor e ódio

do Brasil 247
Este domingo, 27 de outubro de 2013, é mais um #LulaDay nas redes sociais. Luiz Inácio Lula da Silva completa hoje 68 anos e recebe milhares de homenagens nas redes sociais. Por essa hashtag, no Twitter, já passaram companheiros, como a presidente Dilma Rousseff, o presidente do PT, Rui Falcão, e centenas de admiradores anônimos.

Sim, Lula é popular. A simples lembrança do seu aniversário, em sua página no Facebook, já gerou mais de 5,5 mil comentários até agora. E se há uma palavra que pode resumir o seu sucesso, ela se chama emprego. Em oito anos de governo Lula, foram criados 14,7 milhões de empregos !“ ou seja, uma média de 1,8 milhão por ano. à‰ mais do que o número de vagas abertas nos cinco governos anteriores somados: os dois de Fernando Henrique Cardoso, o de Itamar Franco, o de Fernando Collor e o de José Sarney.

De acordo com dados da Rais, a Relação Anual de Informações Sociais, que registra todas as contratações e demissões de empregados regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho, Lula ganha com folga dos antecessores. Com FHC, a média anual foi de 627 mil. Com Itamar Franco, de 697 mil. Sarney teve um desempenho melhor, com 998 mil. Na rápida passagem de Collor, o desempenho foi negativo, com o corte de 2,2 milhões de postos de trabalho.

Com a inclusão de milhões de brasileiros ao mercado de trabalho, ao mundo do consumo e até à  classe média, Lula, naturalmente, é e será lembrado como um dos melhores presidentes de toda a história do País.

No entanto, esse reconhecimento jamais virá dos meios de comunicação tradicionais, que classificam a era “lulopetista” como um período de corrupção, retrocessos institucionais e até econômicos !“ por mais que os números desmintam qualquer tipo de ilação negativa no campo da economia.

Aos 68, recuperado de um câncer na laringe, Lula parece pronto para ser o grande eleitor das eleições de 2014. E não só no plano federal, mas também em diversas disputas estaduais !“ especialmente em São Paulo, onde o PT, com Alexandre Padilha, vislumbra a oportunidade de fechar um ciclo de vinte anos de poder do PSDB.

Lula desperta amor e ódio !“ não em doses iguais. E o seu sucesso, fruto de números concretos, é o grande Leia mais