Greca não seria eleito hoje e 75% desaprovam Richa, diz pesquisa

Se o segundo turno da eleição para a Prefeitura de Curitiba fosse realizado hoje, o deputado Ney Leprevost (PSD) venceria a disputa com 46% das intenções de voto ante 22% de Rafael Greca (PMN).

De acordo com levantamento do IRG (Instituto Ricieri Garbelini), 68% dos eleitores curitibanos desaprovam a administração de Greca.

Trata-se da mais curta lua de mel, entre o povo e o prefeito, na história da capital paranaense.

Dentre as causas que provocou o divórcio, segundo a sondagem, estariam o aumento da tarifa de ônibus, reajuste de impostos e a surra nos servidores municipais que eram contra o pacotaço.

A pesquisa do IRG também constatou que o governador do Paraná Beto Richa (PSDB) tem 75% de rejeição e continua sendo o pior avaliado do país.

O instituto IRG entrevistou 1.100 eleitores entre 24 e 30 de junho. A margem de erro é de 3%.

Veja também  APP-Sindicato elege Walkiria Olegário Mazeto: a luta continua contra calote de Ratinho Junior

Comments are closed.