Situação de Trump se complica: ou renuncia ou será impichado pelo Congresso

Compartilhe agora

A 12 dias de deixar o cargo, o presidente Donald Trump está sendo pressionado para renunciar imediatamente sob pena de ser removido à força da Casa Branca.

A presidenta da Câmara, Nancy Pelosi, ameaça impeachment se Trump não renunciar ‘imediatamente’ à Presidência dos EUA.

A Câmara pode votar o impeachment na próxima semana, promete a parlamentar de 80 anos.

Depois do fracasso da tentativa de golpe, com a invasão do Congresso, o presidente Trump disse hoje que não comparecerá à posse do presidente eleito Joe Biden.

A menos de duas semanas do fim da presidência de Trump, uma onda de demissões atinge seu gabinete.

Ou seja, a octogenária americana tem mais colhões que Rodrigo Maia, o titubeante presidente da Câmara dos Deputados.

A situação de Trump é mais ou menos essa: se correr o bicho que pega, se ficar o bicho come.

Ou seja, ou renuncia ou será impichado pelo Congresso.