Redes sociais pedem impeachment Bolsonaro e apontam semelhanças com Collor

O ex-presidente Fernando Collor de Mello foi lembrado neste sábado (02/02), nas redes sociais, pelas semelhanças com Jair Bolsonaro no discurso e no estilo playboy de levar a vida.

Internautas compararam falas, gestos e ações de ambos. Numa das fotomontagens, Bolsonaro e Collor, cada um a seu tempo, aparece andando de jet ski no lago Paranoá, em Brasília.

Também foi resgatado um vídeo em que Collor faz um emocionado discurso defendendo a bandeira verde e amarelo contra o comunismo e o autoritarismo.

Em um dos perfis, veio o pedido de impeachment de Bolsonaro:

“Digamos que os dois sofram impeachment com exatamente o mesmo número de dias:

Collor posse 15/03/1990 – impeachment 29/12/1992 – 1020 dias.

Bolsonaro posse 01/01/2019 – 02/01/2021 hoje 732 dias – impeachment 17/10/2021.

Faltam 288 dias para o #ImpeachmentDeBolsonaro.”

Para alguns internautas, mais velhos, Bolsonaro é uma versão piorada de Collor de Mello.

Em votação na internet, Jair Bolsonaro foi encolhido como pior presidente da história do Brasil.

Para o advogado Gustavo Schmidt, no Twitter, Bolsonaro é um acidente de percurso. “Um acidente histórico, que nunca mais vai se repetir. Ao fim de seu mandato, será devolvido ao ostracismo, de onde nunca deveria ter saído. Um sujeito desumano e sem empatia pelo próximo. Um sociopata, na mais exata acepção da palavra.”

Além de ser comparado com Collor, o presidente Bolsonaro também teve a imagem associada hoje a do líder fascista Bento Mussolini. O italiano acabou executado e exposto de ponta-cabeça em praça pública, em 1945.