Google caiu antes que Bolsonaro

Compartilhe agora

Os serviços do gigante Google caiu nesta segunda-feira, dia 14, o que já foi suficiente para os brasileiros gozarem da empresa de tecnologia americana e de sua própria miséria.

O Google caiu antes que o presidente Jair Bolsonaro, observou o deputado Zeca Dirceu (PT-PR).

“Cai até o Google, mas não cai o presidente”, escreveu o petista.

O Google caiu e está fora do ar na manhã de hoje. A queda atingiu serviços como Google Drive e Gmail deslogaram os usuários e apresentam a mensagem “erro 503”.

Segundo o DownDetector, que monitora o funcionamento de serviços na web, o problema começou por volta das 8h30 (horário de Brasília) e atingiu um pico de mais de seis mil reclamações.

A falha atinge usuários no Brasil, mas a maioria dos relatos são nos Estados Unidos e em países da Europa.

A queda desta manhã afeta todos os produtos do Google, como o YouTube, Google Meet, Google Forms, Google Keeps, Analytics e outros.

De acordo com o Google, os seguintes serviços ficaram off (fora do ar) nesta segunda-feira:

  • Gmail
  • Google Agenda
  • Google Drive
  • Documentos do Google
  • Planilhas do Google
  • Apresentações Google
  • Google Sites
  • Grupos do Google
  • Hangouts clássico
  • Google Chat
  • Google Meet
  • Google Vault
  • Currents
  • Google Forms
  • Google Cloud Search
  • Google Keep
  • Google Tarefas
  • Google Voice
  • Admin Console
  • Google Analytics
  • App Maker
  • Google Maps
  • Blogger
  • Google Sync for Mobile
  • Google Sala de Aula

Presidenta Dilma faz 73 anos e redes sociais pedem ‘Volta Dilma’

The Guardian: Bolsonaro rotulado de ‘homicida negligente’ no planejamento de vacinas do Brasil

Bolsonaro é reeleito pelo Blog do Esmael como Pior do Ano 2020

Datafolha diz que 37% acham Bolsonaro “ótimo” ou “bom”