boulos

Boulos propõe fim de despejos e anistia para as contas de luz, água e gás


Guilherme Boulos, líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e candidato do PSOL à presidência da República em 2018, apresentou cinco medidas emergenciais para enfrentar os efeitos da crise econômica e sanitária em curso no país – e potencializada pela pandemia do Coronavírus.

Segundo Boulos, a crise do coronavírus vai afetar os mais pobres e o governo Bolsonaro é incapaz de resolver a crise econômica e humanitária.

Ele sugere cinco medidas para enfrentar a crise do coronavírus e proteger os pobres. Veja:

1. Revogar o tetos de gastos liberando novos investimentos em Saúde;

2. Suspender os despejos individuais e coletivos de comunidades durante a pandemia;

3. Plano para garantir todos os empregos dos trabalhadores formais;

4. Benefício emergencial para todos trabalhadores informais;

5. Anistia de contas de água, luz e gás durante a crise.

LEIA TAMBÉM:

PT defende abono para trabalhadores informais infectados por coronavírus

Deputado catarinense que viajou com Bolsonaro está com coronavírus

Justiça de SP derruba reforma da Previdência do tucano João Doria