Bolsonaro quer dar um xeque-mate em Moro filiando-o em seu partido

Integrantes da Aliança Pelo Brasil, novo partido do presidente Bolsonaro, apostam na filiação do ex-juiz Sérgio Moro. Seria a amarração final, o xeque-mate no ministro da Justiça.

Segundo o colunista Guilherme Amado da Época, Bolsonaro fará o convite pessoalmente, como uma trucada, ou um xeque no ministro. Se ele aceitar, estará atrelado ao projeto Bolsonarista em 22, podendo ser, no máximo, vice-presidente. Se ele não aceitar…

LEIA TAMBÉM
Datafolha: Moro e Lula são mais confiáveis que Bolsonaro

Bolsonaro sobre o PT: ‘Está vivo e tem que morrer’; assista o vídeo

Eleição de 2020 terá recorde de candidatos, prevê presidente da Paraná Pesquisas

“A filiação do ministro é algo natural, dado o alinhamento dele ao presidente”, analisou uma das figuras centrais do novo partido.

Só que a oficialização de uma possível filiação de Moro só pode ser feita depois que o partido foi aprovado no TSE.

Com informações da Época.